fbpx
Vacinação

Tatuí registra o sétimo caso de sarampo em 2019

Onze casos foram descartados e 28 seguem aguardando resultado por parte do Instituto Adolfo Lutz
Tatuí registra o sétimo caso de sarampo em 2019
Além dos sete casos confirmados, 46 são suspeitos. Crédito da foto: Fernanda Sunega (22/8/2019)

O sétimo caso de sarampo deste ano foi confirmado em Tatuí. A informação é da Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde.

Um menino de 5 meses de vida, residente no Jardim Santa Rita de Cássia, recebeu atendimento médico. Ele passa bem.

Além dos sete casos confirmados, 46 são suspeitos. Onze foram descartados e 28 seguem aguardando resultado por parte do Instituto Adolfo Lutz.

Um dos casos confirmados anteriormente ocorreu no Residencial Astória. A paciente era uma menina de 1 ano e 3 meses de vida.

Outro caso foi confirmado na Vila Angélica, com uma menina de 2 meses de idade. Todos os outros cinco casos confirmados foram registrados no Jardim Santa Rita de Cássia. No bairro, as pacientes eram duas meninas de 1 ano de idade, uma menina de 3 anos de idade e dois meninos de 5 meses de vida.

Contudo, a Prefeitura de Tatuí reafirma que todos os pacientes receberam a assistência necessária. A boa notícia é que eles não apresentam mais nenhum sintoma da doença.

Vacina tríplice viral

A Secretaria Municipal de Saúde volta a informar que a única maneira de evitar o sarampo é pela vacina tríplice viral. Ela protege, também, contra a rubéola e a caxumba.

Devem ser vacinados bebês que tenham entre 6 e 11 meses de vida (dose extra). As doses válidas devem seguir o Calendário Nacional de Vacinação, determinado pelo Ministério da Saúde.

Em Tatuí, a vacina encontra-se disponível nas Unidades Básicas de Saúde. É essencial que cada pessoa verifique sua caderneta de vacinação e busque se informar se já se vacinou contra o sarampo.
Em caso de dúvidas, a recomendação é que a pessoa procure a Unidade de Saúde mais próxima de sua residência. Outra opção é ligar para o telefone (15) 3259-6358. (Da Redação)

Leia mais  Casos de sarampo têm aumento de 300% no mundo, diz OMS
Comentários