fbpx
Exterior

Pérola de 8 mil anos será exibida no Louvre Abu Dabi

Pesquisadores sugerem que as pérolas eram utilizadas em trocas comerciais com a Mesopotâmia por cerâmica e outras mercadorias
Pérola de 8 mil anos será exibida no Louvre Abu Dabi
As camadas de rocha das quais a pérola vem datam de 5.000 a 5.800 anos antes da nossa era. Crédito da foto: Abu Dhabi Department of Culture and Tourism / AFP (20/10/2019)

Uma pérola de 8 mil anos, apresentada como a mais antiga do mundo, será exposta ao público pela primeira vez a partir de 30 de outubro no museu do Louvre Abu Dhabi. O anúncio foi feito neste domingo (20) pelo Departamento de Cultura e Turismo dos Emirados Árabes Unidos.

Chamada “pérola de Abu Dhabi” e descoberta por arqueólogos na ilha de Marawah, na costa da capital do emirado, esta joia pertence ao Museu Nacional Zayed. A pérola será apresentada no Louvre Abu Dhabi durante a exposição “10.000 anos de luxo”, que ocorrerá entre 30 de outubro e 18 de fevereiro, segundo comunicado do Departamento de Cultura e Turismo.

A análise realizada com o carbono 14 revelou que as camadas de rocha das quais a pérola vem datam de 5.000 a 5.800 anos antes da nossa era, durante o período neolítico. “A descoberta da pérola mais antiga do mundo em Abu Dhabi mostra claramente que grande parte de nossa história econômica e cultural recente tem raízes profundas, que remontam ao início da pré-história”, afirmou Mohamed Khalifa al Mubarak, chefe do departamento.

Pesquisadores sugerem que as pérolas eram utilizadas em trocas comerciais com a Mesopotâmia por cerâmica e outras mercadorias, ou usadas como joias, segundo a mesma fonte. A produção de pérolas prosperou no Golfo até os anos 1930, data em que foram feitas as primeiras descobertas de petróleo.

A exposição no Louvre Abu Dhabi explora a própria noção de luxo, seu significado mutável ao longo dos séculos através de 350 objetos, que vêm especialmente de museus franceses. (AFP)

Leia mais  Extinção do Museu de Arte Sacra de Sorocaba é oficializada
Comentários