Esporte São Bento

Uma vitória muda tudo para o São Bento

Para Silas, se Bentão vencer a Ponte Preta no domingo (10), reabre a luta contra queda
Uma vitória muda tudo
Silas elogiou o futebol apresentado nos dois últimos jogos, contra Mirassol e Corinthians. Crédito da foto: Emidio Marques

Na lanterna — e sem vencer até agora — do Campeonato Paulista, o São Bento sabe que não pode mais adiar a reação. E apesar da pior campanha até aqui, o técnico Silas acredita que uma vitória neste domingo (10), diante da Ponte Preta, no CIC, é capaz de reabrir totalmente a briga na parte de baixo da tabela. Talvez, até colocar em alerta alguns times que eram dados como descartados na luta contra o rebaixamento.

Leia mais  No São Bento, a redescoberta de Alex Maranhão

 

“O raciocínio que tenho passado para eles (atletas) é: será que Botafogo, São Caetano, Mirassol e até o Bragantino, com 10 pontos, vão ter equilíbrio suficiente e mais do que a gente? Cada jogo agora é uma decisão. Devemos assistir o jogo do Red Bull (adversário da rodada seguinte) contra o Oeste, mas o pensamento é Ponte Preta. Uma vitória e estará tudo aberto de fato. Vamos trabalhar em cima disso”, disse, em entrevista coletiva.

Apesar disso, o comandante beneditino ressaltou que é importante não ficar de olho apenas nos rivais, mas antes de mais nada, fazer a lição de casa. “Tá complicado para todo mundo. Não temos de ficar torcendo contra o adversário e não fazer a nossa parte. Tá bem encaminhado, o importante é manter a energia lá em cima e a ansiedade baixa”, declarou.

Citando a evolução da equipe, especialmente nos últimos dois jogos, Silas disse que o grupo trabalha forte e pretende tirar proveito do fator casa para levar a melhor sobre a Macaca. Além disso, ele comemorou as novas opções que têm à disposição — o lateral Régis, que deve ter condições de jogo, além de jogadores que estrearam recentemente e se apresentaram bem, casos de Paulo Henrique e Cafu — para surpreender o técnico Jorginho, da Ponte.

“Vamos trabalhar as nossas variações. Temos mais agora com a chegada do Régis, com todos os jogadores bem e é isso que o treinador precisa. Teremos cinco ou dez minutos para entender o que o adversário quer fazer e tocar o barco.”

Ingressos

Os ingressos para a partida estão à venda com valores entre R$ 20 (meia-entrada para arquibancadas superior e inferior) e R$ 100 (cadeiras), na secretaria do clube, à rua Antônio José Castronovo (ao lado do CIC) e nas lojas Loucos por Futebol (Rua da Penha), KMF Baterias (Rua Atanásio Soares) e Opção tintas (General Carneiro).

Em razão do Dia Internacional da Mulher (comemorado ontem), haverá gratuidade para mulheres e crianças até 12 anos nos setores destinados à torcida do São Bento. (Da Redação)

Comentários

CLASSICRUZEIRO