Esporte

Tite ensaia usar quarteto de atacantes

Tite ensaia usar quarteto de atacantes
Foi o primeiro trabalho tático com elenco completo na Granja Comary. Crédito da foto: Lucas Figueiredo / CBF (6/10/2020)

Se depender das pistas que deixou no treino de ontem (6), na Granja Comary, em Teresópolis (RJ), Tite mandará a campo uma seleção brasileira bastante ofensiva para enfrentar a Bolívia na sexta-feira (9), às 21h30, na Neo Química Arena, em São Paulo. O técnico realizou um trabalho tático e técnico, dividindo os jogadores em dois times e misturando potenciais titulares e reservas.

A disposição dos atletas dá indícios de quem iniciará a jornada brasileira nas Eliminatórias da Copa do Mundo do Catar, em 2022. A se confirmar o que Tite esboçou, a provável formação, sem goleiro, será: Danilo, Marquinhos, Thiago Silva e Renan Lodi; Casemiro e Bruno Guimarães; Philipe Coutinho, Everton, Roberto Firmino e Neymar.

O destaque do possível time é Bruno Guimarães, do Lyon, da França, convocado pela primeira vez. A presença de um quarteto de homens de frente tem Firmino como o atacante de referência e Neymar à esquerda, mas com liberdade para flutuar no setor.

Na meta, Ederson (Manchester City, da Inglaterra), Weverton (Palmeiras) e Santos (Athletico-PR) disputam a vaga de Alisson, do Liverpool (Inglaterra), contundido. Ele foi cortado no domingo (4) e substituído por Ederson.

Após o trabalho tático, os atletas foram divididos em dois campos, com os quatro prováveis titulares da linha defensiva atuando juntos em uma atividade orientada pelo auxiliar Cleber Xavier, e os atacantes em outro gramado exercitando jogadas de linha de fundo e finalização, sob olhares de Tite.

A única ausência do treino foi o atacante Richarlyson, que ainda trata uma lesão no tornozelo esquerdo. O jogador do Everton (Inglaterra) participou do trabalho da manhã, na academia, mas não foi a campo.

A delegação brasileira viaja para São Paulo hoje (7). Amanhã (8), treina na Neo Química Arena, palco do jogo. Já na tarde de segunda (12), embarca para Lima, capital peruana, onde enfrenta a seleção local na terça-feira (13), no estádio Nacional, às 21h, pela segunda rodada das Eliminatórias. (Lincoln Chaves – Agência Brasil)

Comentários