Buscar no Cruzeiro

Buscar

Acervo

São Bento sofre no início da Série C

15 de Agosto de 2020

São Bento sofre no início da Série C O técnico Edson Vieira sente que o time precisará de mais alguns jogos para evoluir. Crédito da foto: Fábio Rogério (13/8/2020)

O São Bento amargou a segunda rodada consecutiva na Série C do Campeonato Brasileiro. Até agora, em duas partidas, o Bentão não conseguiu somar pontos, foram derrotas para o São José (RS), fora de casa, e para o Brusque (SC), em casa, ambas por 1 a 0. Se o Tombense (MG) somar pontos hoje contra os gaúchos, em Minas Gerais, o time sorocabano ficará na lanterna do Grupo B.

O início complicado na terceira divisão nacional já era esperado pela comissão técnica beneditina. “Eu disse que a gente ia sofrer um pouco. Eu sentia realmente que nós iríamos precisar de alguns jogos para tentarmos jogar de igual para igual com outros adversários”, disse o comandante Edson Vieira.

Foram 145 dias sem jogos e uma preparação de pouco mais de 16 dias para o primeiro jogo. Muito jogadores fisicamente abaixo. E isso ficou claro nas duas partidas disputadas. Em vários momentos, falta força para alguns atletas que, em melhor forma, serão importantes. “O Ruan, o Igor são bons jogadores, têm muita qualidade, mas estão muito abaixo (fisicamente). Se entrarem em forma, eles vão jogar. O Rafinha não jogou com dores, um jogador de criatividade”, pontuou Vieira.

Por problemas de saúde, o atacante Ruan se apresentou após os companheiros. Com apenas uma semana de treinos ficou no banco contra os catarinenses e entrou ao decorrer do jogo. Em pouco mais de 15 minutos em campo, criou duas boas oportunidades na partida. “Pela minha vontade, eu estaria jogando, mas a gente não escolhe. Fiquei doente, estou recuperado. A partir do momento que o professor optar por mim, venho trabalhando muito para estar pronto. Acredito que quarta-feira estarei bem melhor”, afirmou o jogador.

Agora, o São Bento muda a chave de competição. Na quarta-feira, às 16h, encara o Atibaia, em Sorocaba, pela Série A2 do Campeonato Paulista. Com 18 pontos, os sorocabanos estão no nono lugar com a mesma pontuação de São Caetano (6º), Juventus (7º) e Portuguesa (8º). O Azulão está fora da zona de classificação por conta dos critérios de desempate e ainda enfrenta Audax (fora de casa) e Monte Azul (em casa) para fechar a primeira fase. Os oito primeiros colocados avançam ao mata-mata. (Zeca Cardoso)