São Bento

São Bento sai na frente, mas cede empate ao Taubaté no Vale: 1 a 1

Resultado mantém o Azulão no 12º lugar, a dois pontos da zona do rebaixamento e a outros dois do G8
Taubaté e São Bento empataram por 1 a 1 no Vale do Paraíba. Crédito da Foto: Bruno Castilho/EC Taubaté

O São Bento saiu na frente do Taubaté na noite desta quarta-feira (12) mas permitiu o gol do adversário e trouxe um empate por 1 a 1 do Vale do Paraíba. O jogo foi válido pela sexta rodada do Campeonato Paulista da Série A2.

O resultado mantém a equipe de Sorocaba na 12ª colocação, com seis pontos, a dois da zona do rebaixamento e a outros dois de entrar no grupo dos que avançam ao mata-mata. O Burro da Central cai para a quarta posição, com 11.

No domingo (16), o Azulão enfrenta a Portuguesa Santista, às 10h, em Santos. No mesmo dia, às 15h, o Taubaté enfrenta o Atibaia, na casa do adversário.

Leia mais  São Bento entra em campo com a complicada missão de recuperar pontos

 

O técnico Léo Condé fez mudanças na equipe titular em relação ao último jogo contra o XV de Piracicaba e optou por jogadores formados na base beneditina. O lateral-direito Matheus Pimentel e o atacante Matheus Guarujá fizeram as suas estreias como titulares com a camisa do Bentão. O treinador voltou com a formatação tática que havia colocado nas primeiras quatro rodadas, o 4-3-3.

O clube sorocabano tinha a clara estratégia de marcar com a linha mais baixa, deixar o Taubaté fica com a posse de bola e tentar as jogadas ofensivas com a velocidade pelos lados do campo. Os donos da casa encontraram bastante dificuldade e pouco incomodaram Lucas Macanhan na primeira etapa.

A única chance dos donos da casa foi aos 36 minutos, após uma desatenção do sistema defensivo. A zaga tentou proteger a saído do goleiro Lucas Macanhan para fazer a defesa, mas Coutinho foi mais rápido, conseguiu ficar a frente da jogada e tocou com o pé direito na bola, que passou por cima da meta beneditina.

Na volta dos vestiários, o técnico Ivan Izzo, do Taubaté, colocou David Batista na lugar de Coutinho. E foi do atacante o cabeceio que obrigou Lucas Macanhan a salvar o São Bento de levar o primeiro gol. Com maior volume, os taubatianos voltaram a assustar aos 14 minutos. Negueba cruzou para Ermínio finalizar para fora.

A estratégia do Bentão estava definida e foi assim que o gol de Diego Tavares saiu. No contra-ataque, o camisa 7 arrancou com muita velocidade pelo lado direito, invadiu a área e finalizou na saída do goleiro William: 1 a 0. Mas os sorocabanos não tiveram chance de comemorar. Na cobrança de falta, Dogão testou com força para empatar o jogo: 1 a 1.

O São Bento poderia voltar a frente do marcador se Jheimy não tivesse perdido uma enorme oportunidade. Contra-ataque puxado por Rafinha, que fez o passe para Diego Tavares, o camisa 7 cortou o zagueiro do Taubaté e rolou para o centroavante beneditino marcar, mas o camisa 9 finalizou para fora.

No minuto final da partida, Jheimy fez uma falta, recebeu o segundo amarelo e acabou expulso. (Da Redação)

Taubaté 1 x 1 São Bento

Taubaté – William; Negueba, Rafael Castro, Dogão e Malcoon (Rodriguinho); Marco Antônio, Boquita, Coutinho (David Batista) e Chumbinho; Ermínio e Giovanni Pavani. Técnico: Ivan Izzo

São Bento – Lucas Macanhan; Matheus Pimentel (Douglas Assis), Flávio Boaventura, Adalberto e Luís Henrique; Fábio Bahia, Evandro e Thiago Primão (Wellington Bruno); Diego Tavares, Matheus Guarujá (Rafinha) e Jheimy. Técnico: Léo Condé

Gols – Diego Tavares, aos 17 minutos do segundo tempo (São Bento); Dogão, aos 19 minutos do segundo tempo (Taubaté)

Cartões amarelos – Rafael Castro, Ivan Izzo, Boquita (Taubaté); Diego Tavares, Douglas Assis, Jheimy (São Bento)

Cartões vermelhos – Boquita (Taubaté); Jheimy (São Bento)

Público – 941 (pagantes)

Renda – R$ 12.348

Árbitro –­ Thiago Luís Scarascati (SP)

Local –­ Estádio Joaquim de Morais Filho, em Taubaté (SP)

Comentários