São Bento

Renan Rocha ganha sequência no gol e permanece como titular

O São Bento já havia rodado outros cinco jogadores na posição ao longo do ano
Renan Rocha ganha sequência no gol
Renan é a sexta tentativa no ano por um goleiro titular. Crédito da foto: Fábio Rogério (10/9/2019)

Em sua primeira entrevista coletiva como técnico do São Bento, Milton Mendes confirmou que Renan Rocha seria o titular no gol do Azulão. “O meu goleiro é o Renan Rocha”, afirmou, na sua apresentação. O São Bento já havia rodado outros cinco jogadores na posição ao longo do ano: Renan, Henal, Matheus Pasinato, Paulo Vitor e Gabriel Félix.

Atualmente, o Bentão tem a pior defesa da Série B. Sofreu 30 gols em 21 partidas disputadas. Renan Rocha, até agora, fez duas participações com a camisa do Azulão. Derrota para o Atlético-GO, por 1 a 0, em Goiânia; e o empate em casa com o Figueirense (0 a 0), no CIC. O último jogo foi a estreia de Milton Mendes. Para a próxima partida, toda a zaga será mantida.

“É importante manter um time, igual ele (Milton Mendes) falou que vai tentar. Isso dá moral e (o elenco) ganha em entrosamento, para que dentro de campo possa prevalecer. As vezes o time fica trocando muito e as peças acabam não se juntando bem. Essa sequência é boa e dá muita confiança para a gente entrar e fazer o que ele pede”, afirmou Renan Rocha.

Leia mais  Azulão não fazia cinco gols há dez anos

 

O agora dono da camisa 1 do São Bento passou uma partida sem tomar gols. Foi apenas o quarto jogo em que isso aconteceu na Série B. Mas não é apenas a simples troca de um goleiro que transforma o sistema defensivo. O trabalho passa por todo o time. Desde o centroavante até o último zagueiro.

“A parte defensiva começa lá no Zé Roberto, que é lá na frente. Eles (atacantes) ajudando, igual ajudaram no último jogo, foi o que nos ajudou a não levar gol. A gente estava bem postados, bem concentrados. Acho que a palavra chave é concentração, porque quando você se desconcentra, e é o que vinha acontecendo, você leva o gol”, relatou Renan.

Os atacantes realmente ajudaram, e muito, na marcação. Os atletas que mais correram no duelo contra o Figueirense foram justamente dois jogadores de frente: Zé Roberto e Paulinho Boia. Ambos correram mais de 11 quilômetros. Dificultaram a saída de bola dos catarinenses e geraram chances de gol.

O próximo jogo do São Bento pelo Campeonato Brasileiro da Série B é nesta sexta-feira, às 19h15, contra o Botafogo, em Ribeirão Preto. (Zeca Cardoso)

Comentários

CLASSICRUZEIRO