Esporte São Bento

São Bento não consegue finalizar jogadas e empata com Criciúma

Com o resultado, o São Bento chegou a 40 pontos; já o Criciúma soma 41
São Bento chegou a ter um gol anulado na segunda etapa com impedimento de Samuel Santos. Crédito da foto: Erick Pinheiro

Mesmo atuando boa parte do segundo tempo com um jogador a mais, o São Bento não saiu do 0 a 0 com o Criciúma na noite de sexta-feira (20), no Estádio Municipal Walter Ribeiro. Com isso, segue estacionado apenas na 14ª colocação da Série B, agora com 40 pontos. O Bentão jogou melhor e praticamente não foi ameaçado durante mais da metade do jogo mas, por outro lado, finalizou pouco e não aproveitou as raras oportunidades criadas.

A equipe ainda teve um gol anulado num lance duvidoso em que Samuel Santos mandou para a rede quando o auxiliar assinalou impedimento, além de duas bolas na trave em um único lance.

O empate faz com que o Bentão abra oito pontos para a zona de rebaixamento, mas veja a distância diminuir para um dos rivais diretos na luta contra o descenso, o CRB, que venceu na rodada e é justamente o próximo adversário do Azulão, no sábado (27), no CIC. Times da parte de baixo da tabela, porém, ainda jogam hoje e podem melhorar suas pontuações. O Criciúma, por sua vez, chegou a 41 pontos e aparece em 12º.

Leia mais  Háron e David vencem na estreia da Copa Lisoboxe

Time diferente

Com uma formação diferente — e inédita, com Roni atuando mais avançado –, o São Bento não começou bem e viu o Criciúma criar as primeiras boas oportunidades com Elvis e Fábio Ferreira, ambas defendidas por Rodrigo Viana.

A equipe só foi encaixar seu modelo de jogo nos 15 minutos finais do primeiro tempo, quando passou a ter mais posse de bola e incomodar o adversário, especialmente na bola parada. As chances reais de gol, porém, só viriam depois do intervalo.

A primeira delas foi no gol anulado de Samuel Santos, jogada fruto da mudança promovida por Marquinhos Santos, com a entrada de Cléo Silva na vaga de Zezinho. O gol não veio, mas a expulsão de Elvis logo a seguir, por reclamação excessiva, deu um gás adicional ao Bentão.

Aos 22 minutos, Dudu Vieira deu lugar ao centroavante Ronaldo, de volta após duas rodadas de fora, mas ele provou que a fase não é das melhores na melhor chance do jogo. Imediatamente após entrar, livre na pequena área e com o gol aberto ele cabeceou na trave oposta. No mesmo lance, segundos antes, em cobrança de escanteio da direita, Marcelo Cordeiro quase havia feito gol olímpico — mas também parou na trave.

O Bentão teria mais algumas poucas chances — uma delas em cobrança de falta cometida bisonhamente pelo goleiro Belliato, que colocou a mão na bola fora da área –, mas Anderson Salles não estava inspirado e parou na barreira.

Leia mais  ‘Voltarei melhor ainda’, promete Felipão

SÃO BENTO 0 X 0 CRICIÚMA

São Bento – Rodrigo Viana; Tony, Ewerton Páscoa, Anderson Salles e Marcelo Cordeiro; Fábio Bahia, Dudu Vieira (Ronaldo), Samuel Santos e Zezinho (Cléo Silva); Francis e Roni (Diogo Oliveira). Técnico: Marquinhos Santos

Criciúma – Belliato; Sueliton (Carlos Eduardo), Fábio Ferreira, Sandro e Iago (Marlon Freitas); Jean Mangabeira, Liel, Eduardo e Elvis; Vitor Feijão e Zé Carlos (Nicolas). Técnico: Mazola Júnior

Cartões Amarelos – Ewerton Páscoa, Dudu Vieira, Henal (São Bento), Belliato, Sueliton, Eduardo, Vitor Feijão e Zé Carlos (Criciúma)

Cartão Vermelho – Elvis (Criciúma)

Público – 1.845 pessoas

Renda – R$ 23.095

Árbitro – Wanderson Alves de Sousa (MG)

Local – Estádio Municipal Walter Ribeiro

Comentários