Esporte

Santos encara desafio triplo

Apesar dos desfalques, precisa somar pontos contra a embalada LDU na altitude de Quito
Santos encara desafio triplo
Melhores chances santistas continuam nos pés de Marinho. Crédito da foto: Ivan Storti / Santos FC

O Santos abre as oitavas de final da Copa Libertadores contra a LDU com a missão de superar os desfalques, os 2.850 metros de altitude de Quito e o embalado rival equatoriano para chegar em boas condições de decidir a vaga na semana seguinte, em casa. O jogo de ida será hoje, às 19h15 (de Brasília).

O Santos avançou com a segunda melhor campanha geral da primeira fase da Libertadores, atrás apenas do Palmeiras, na liderança do Grupo G, com 16 pontos e invicto. Já a LDU se classificou na segunda colocação da chave que tinha o São Paulo, eliminado, e o River Plate, que terminou como líder. O duelo de volta está marcado para o dia 1º de dezembro, na Vila Belmiro.

Desfigurado nos últimos confrontos da temporada pelo surto de Covid-19 que atingiu boa parte de seu elenco, o Santos segue com desfalques importantes. Madson, João Paulo e Sandry voltaram a testar positivo para o novo coronavírus. O zagueiro Luan Peres e o atacante Ângelo ainda cumprem o período de isolamento pelo coronavírus, enquanto o volante Jobson está suspenso. O técnico Cuca ainda está sob cuidados médicos após se recuperar da doença e também não viajou com o grupo. A equipe será novamente comandada pelo auxiliar Marcelo Fernandes.

Leia mais  Os homens fortes do Corinthians na gestão de Duílio Monteiro Alves

Além das baixas, outro desafio será atuar na altitude de Quito. O grupo está desde domingo na capital equatoriana, onde se prepara para encarar as dificuldades geradas pelas condições adversas. O grande trunfo segue sendo Marinho, craque e artilheiro do time na temporada.

Rival embalado

A LDU vive bom momento e chega para o confronto com a moral de ter vencido o primeiro turno do Campeonato Equatoriano e de ter avançado ao lado do River Plate no “grupo da morte” do torneio continental, deixando o São Paulo pelo caminho. No segundo turno da liga nacional, o time é o vice-líder, a dois pontos do líder Emelec.

Os equatorianos também terão ausências importantes. O clube não vai poder contar com o zagueiro Franklin Guerra, o meio-campista Lucas Piovi e o atacante Adolfo Muñoz, todos lesionados, além do defensor Moisés Corozo e do meia Junior Sornoza, ex-Fluminense e Corinthians. A dupla testou positivo para Covid-19 depois de defender a seleção do Equador e cumpre o período de isolamento. (Estadão Conteúdo)

LDU x SANTOS

LDU – Adrián Gabbarini; Pedro Pablo Perlaza, Luis Caicedo, Anderson Ordóñez e Luis Ayala (Christian Cruz); Jordi Alcívar, Lucas Villarruel, Matías Zunino e Billy Arce; Marcos Caicedo e Martínez Borja. Técnico: Pablo Repetto

Leia mais  Palmeiras joga mal e perde do River, mas vai à final da Libertadores

Árbitro – Fernando Rapallini (Argentina)

Horário – 19h15

Local – Estádio Casa Blanca, em Quito (Equador)

Santos – John; Pará, Lucas Veríssimo, Luiz Felipe e Felipe Jonatan; Diego Pituca, Alison e Jean Mota; Soteldo, Marinho e Kaio George. Técnico: Marcelo Fernandes (interino)

Comentários