Buscar no Cruzeiro

Buscar

Copa Sul-Americana

Corinthians goleia em último jogo na Sula

27 de Maio de 2021 às 00:01
Da Redação com Estadão Conteúdo
Apesar dos 4 a 0 no placar, Timão já estava eliminado.
Apesar dos 4 a 0 no placar, Timão já estava eliminado. (Crédito: NELSON ALMEIDA / POOL / AFP (26/5/2021))

Com o técnico Sylvinho nos camarotes da Neo Química Arena, o Corinthians venceu ontem (26) o River Plate do Paraguai por 4 a 0, em sua despedida da Copa Sul-Americana. Terminou na segunda colocação do Grupo E, com dez pontos, atrás do Peñarol -- apenas os primeiros colocados avançam às oitavas de final. Ao menos, garantiu a premiação dada pela Conmebol para os vice-líderes da fase de grupos: U$$ 120 mil (cerca de R$ 637 mil).

Já com a cabeça na estreia do Campeonato Brasileiro, domingo, contra o Atlético-GO, em casa, Sylvinho poupou o meia-atacante Luan. Em campo, o interino Fernando Lázaro montou sua equipe no 4-5-1, com apenas Jô atuando fixo no ataque. Com o meio-campo povoado, o Corinthians abriu o placar aos 21 minutos do primeiro tempo. Após escanteio pela direita, a zaga do River Plate afastou, mas a bola sobrou para Ramiro na entrada da área. O volante dominou e encheu o pé, sem chances de defesa para o goleiro Serdán.

Aos 28’, o próprio Araos acionou o uruguaio Bruno Mendéz pela direita. Ele cruzou na medida para Jô, de primeira, anotar mais um belo gol. Aproveitando pressão do River, Adson puxou contra-ataque aos 33’ e encontrou Mateus Vital, que avançou e finalizou cruzado para marcar o terceiro.

O goleiro Cássio foi substituído no intervalo. Ele sentiu dores na coxa direita no final da primeira etapa e será reavaliado nesta hoje. No segundo tempo, Fernando Lázaro aproveitou para girar o time e chegou fácil ao quarto gol. Aos 13’, Cantillo lançou para Ramiro na direita do ataque O goleiro Serdán saiu da área e tentou afastar de cabeça, mas foi traído pelo quique da bola, que sobrou limpa para Ramiro marcar o seu segundo gol no jogo.

O Bahia despediu-se da Sul-Americana com derrota por 4 a 2 para o Montevideo City Torque-URU, em Salvador. Hoje (27) jogam Jorge Wilstermann-BOL x Ceará, La Equidad-COL x Grêmio e Athletico-PR x Aucas-EQU. (Da Redação, com informações de Estadão Conteúdo)

CORINTHIANS 4 x 0 RIVER PLATE-PAR

Corinthians - Cássio (Matheus Donelli); Bruno Méndez, João Victor, Raul Gustavo e Fábio Santos; Roni, Ramiro (Vitinho), Araos (Gabriel Pereira), Adson e Mateus Vital (Cantillo); Jô (Cauê). Técnico: Fernando Lázaro (interino)

River Plate-PAR - Serdán; Saldívar, Garcete (Navarro), Gustavo Giménez e Montiel; Quiñónez (Torales), Cristian Sosa, Gaona (Bogado), Contrera e Otazú; Dionicio Pérez (Caballero). Técnico: Celso Ayala

Gols - Ramiro, aos 21, Jô, aos 28, e Mateus Vital, aos 33 minutos do 1º tempo; Ramiro, aos 13’ do 2º tempo

Árbitro - José Argote (VEN)

Cartões amarelos - Contrera, Montiel, Garcete, Bogado

Local - Neo Química Arena, em São Paulo