Buscar no Cruzeiro

Buscar

Acervo

Magnus pega o Corinthians pelo bi da Liga

20 de Dezembro de 2020

Magnus pega o Corinthians pelo bi da Liga Equipe sorocabana está invicta há 19 jogos no torneio nacional. Crédito da foto: Guilherme Mansueto / Magnus

O Magnus Futsal entra em quadra hoje para fazer sua última partida da temporada, a grande final da Liga Nacional de Futsal. O duelo contra o Corinthians, um clássico mundial da modalidade, acontece a partir das 13h15, no Ginásio João Carlos de Camargo, em Votorantim, e encerra o calendário 2020 com dois clubes buscando o bicampeonato da competição.

O time de Sorocaba, que na semana passada conquistou o título paulista, carrega uma invencibilidade de 19 partidas na competição. Ao todo são 16 vitórias e três empates, obtendo a maior sequência sem perder da história da LNF. Soma-se a isso uma artilharia pesada, característica principal no estilo de jogo do técnico Ricardinho. Sob seu comando, a equipe sorocabana tem o melhor ataque, com 72 gols marcados e apenas 28 sofridos, além de ter o capitão Rodrigo como segundo maior goleador, com 13 gols anotados.

No primeiro duelo, disputado no Ginásio Wlamir Marques, em São Paulo, o placar final ficou no 1 a 1, com gols dos pivôs Charuto e Deives. Para o confronto final, o time de Sorocaba não poderá contar com o goleiro Djony, expulso no jogo de ida após cair com a mão na bola fora da área. Sem lesionados, o restante do plantel estará à disposição do técnico para ir em busca da taça.

Esta é a quarta final de Liga Nacional em sete anos do projeto de futsal sorocabano. Em 2014, ano de estreia, a equipe venceu a ADC Intelli/Orlândia na decisão e ergueu o troféu. Em 2016, o adversário foi o Corinthians, que na ocasião ficou com o título. Em 2019 a final foi contra o Pato Futsal, com o time paranaense sagrando-se campeão.

A partida entre Magnus Futsal e Corinthians terá transmissão ao vivo do canal fechado Sportv, o do canal aberto TV Brasil (na TV e na internet) e da Rádio Magnus (www.radiomagnus.com.br). Quem vencer no tempo normal, fica com o título. Em caso de um empate, a partida segue para a prorrogação e, no tempo extra, um novo empate é vantagem dos sorocabanos. (Da Redação)