Esporte

Fagner é relacionado para decisão contra o Cruzeiro

A primeira partida da final da Copa do Brasil acontece quarta-feira (10), em Belo Horizonte

O técnico Jair Ventura divulgou no final da tarde desta segunda-feira (8) a lista de relacionados do Corinthians para o primeiro jogo da decisão da Copa do Brasil contra o Cruzeiro. O duelo acontece na quarta-feira (10), às 21h45, no Mineirão.

No total, 25 jogadores viajarão a Belo Horizonte. A principal novidade fica por conta do retorno do lateral-direito Fagner, recuperado de uma fibrose na coxa esquerda. O jogador ficou de fora das duas últimas partidas do Corinthians no Campeonato Brasileiro. Nesta segunda-feira, ele apareceu no gramado, mas realizou um trabalho em separado.

Jair Ventura comandou um treino tático e testou dois jogadores na lateral. Mantuan começou entre os titulares, mas depois deu lugar ao zagueiro Pedro Henrique. Gabriel, que vinha atuando improvisado no setor, assumiu a vaga do volante Douglas, suspenso pelo terceiro cartão amarelo.

Leia mais  Veja quem saiu na frente nas disputas das oitavas

“Gabriel jogou dois jogos improvisado, não é a posição dele, mas todo jogador se esforça, é normal. Na sexta, não conseguimos criar as jogadas, um jogo a parte. Sobre o Fagner, não sabemos ainda, não sabemos nem se a gente joga. Espero que esteja bem e que possa nos ajudar”, declarou o zagueiro Henrique.

O elenco viaja no início da noite desta segunda para Belo Horizonte e treina na terça-feira no CT do Coimbra, localizado na cidade de Contagem, a 20km de Belo Horizonte. Antes do trabalho, o goleiro Cássio concederá entrevista coletiva, às 11h15, no Mineirão. Ele falará ao lado do goleiro Fábio do Cruzeiro. Os supervisores de arbitragem, Sérgio Corrêa e Manoel Serapião, também estarão presentes no local para comentar os preparativos do árbitro de vídeo, o VAR.

Jair Ventura deve manter mistério na escalação do Corinthians. Mas a tendência é que o time entre em campo com: Cássio; Fagner, Léo Santos, Henrique e Danilo Avelar; Ralf e Gabriel; Romero, Jadson, Mateus Vital e Clayson. (João Prata – Estadão Conteúdo)

Comentários