Economia

Tudo que você precisa saber para Investir em título de capitalização antes de adquiri-lo

Modalidade atrai muitos brasileiros que pretendem guardar dinheiro e, ainda, concorrer a sorteios

O título de capitalização é uma modalidade bastante procurada por pessoas que buscam guardar dinheiro de maneira simples. Alguns, ainda, permitem a participação em sorteios que podem pagar grandes quantias.

Mas afinal, como investir em título de capitalização e o que se deve saber antes de comprar um?

Investir em título de capitalização

É importante deixar claro que o termo “investir em título de capitalização”, talvez, não seja o ideal. Afinal, grande parte dos especialistas afirmam que a compra deste produto não pode ser definida como um investimento.

O título de capitalização permite que você guarde dinheiro e, ainda, concorra a prêmios que podem chegar a grandes quantias.

O plano de capitalização exige, por contrato, que o comprador deposite valores dentro de um prazo pré-estabelecido ou, então, que realize um pagamento único.

O objetivo é que a pessoa não resgate o valor antes do prazo e, assim, consiga guardar o dinheiro por mais tempo.

Rendimento dos títulos de capitalização

Esta parte pode não ser tão atrativa para os interessados em adquirir uma capitalização. Afinal, o rendimento dos títulos de capitalização é baixo e, ainda, é possível recuperar um valor menor do que o investido.

Contudo, a boa notícia é: os sorteios pagam grandes quantias, o que pode compensar a quantidade que foi depositada naquele título. Os valores que podem ser conquistados são muito maiores que o dinheiro gasto para comprar um título de capitalização. 

Como declarar título de capitalização

O primeiro passo é declarar o título de capitalização como um bem. Em seguida, é preciso declarar o rendimento com o título no Imposto de Renda. 

Feito isso, você não corre riscos de apresentar algum tipo de improcedência ao enviar as informações à Receita Federal.

O título de capitalização deve ser declarado sempre que enquadrar-se em algum critério do IR. É importante verificar com o emissor do título o Informe de Rendimentos ou outro documento que mostre os valores com precisão.

Comentários