Cultura

Filme brasileiro ‘Casa de Antiguidades’ está na lista de Cannes

Neste ano não haverá vencedores ou perdedores e nenhum filme ganhará a Palma de Ouro
História fala sobre um homem e a conexão com sua ancestralidade. Crédito da foto: Divulgação

O filme Casa de Antiguidades, de João Paulo Miranda Maria, está entre os 56 longas escolhidos pelo Festival de Cannes que deverão ser exibidos online na 73ª edição do evento, que deveria ter ocorrido em maio, mas foi cancelado por causa do novo coronavírus.

A lista não está dividida entre os concorrentes da categoria principal tampouco da mostra Um Certo Olhar. Assim, não haverá vencedores ou perdedores e nenhum filme ganhará a Palma de Ouro. Estão também na lista The French Dispatch, de Wes Anderson, El Olvido que Seremos, de Fernando Trueba, e Été 85, de François Ozon.

“Essa seleção é um anúncio do cinema de amanhã, que precisa encarar toda esta crise que vivemos”, disse Miranda Maria.

O filme

No longa, um homem mais velho começa a trabalhar em uma moderna fábrica de laticínios. Ele se sente distante e não se identifica com o lugar, as pessoas e até a sociedade. Aos poucos, ele vai se aproximando de vacas e bois, se transformando em um animal e retomando sua ancestralidade. (Da Redação, com Estadão Conteúdo)

Comentários