Covid-19 Cultura

Casal faz shows na sacada durante a quarentena em Sorocaba

Ideia é levar mensagem de esperança aos moradores do prédio na fase de isolamento social

Se o momento é de apreensão e medo, há que quem busque acalmar os corações e levar esperança mesmo no isolamento social. A pandemia do novo coronavírus faz muitas pessoas se fecharem em suas casas seguindo as recomendações dos órgãos de saúde, mas a quarentena não é motivo de solidão. Em um condomínio de Sorocaba, no Jardim São Carlos, shows na sacada estão acontecendo diariamente, reunindo os moradores com músicas que levam mensagens de que dias melhores virão.

A empresária Camila Panaro, 37, e o marido Thiago Campos, 34, que atua como gerente comercial, se inspiraram na ação do cantor Mumuzinho, que animou o prédio todo no fim de semana com um show improvisado contando clássicos de samba e pagode. O casal sorocabano, ao ver como o gesto simples causou alegria em quem apreciou a apresentação, imediatamente disparou uma mensagem no grupo de Whatsapp do condomínio falando que os shows começariam nesta semana, sempre às 19h30. No primeiro dia, na segunda-feira, o sucesso foi total e mobilizou centenas de pessoas cantando de suas sacadas e formando um coral.

Para Camila, a sensação de união e esperança é o mais importante neste momento. “Não somos famosos, mas todos são especiais e podem contribuir para atravessar esse momento difícil da melhor maneira possível. Depois que tudo isso passar poderemos tirar boas lições e uma delas é força da empatia e do amor ao próximo”, afirma. Com uma caixa de som, Thiago organizou seu palco na varanda do apartamento de 50 metros quadrados.

No primeiro dia de apresentação as músicas cantadas foram Aleluia, Noites Traiçoeiras, É Preciso Saber Viver, Girassol e Você. “É claro que no final teve o clássico pedido de Toca Raul e agora estamos ensaiando alguma dele”, contou o gerente comercial.

Thiago, Camila e os filhos isolamento social tem sido um aprendizado para a família. Crédito da foto: Acervo Pessoal

O casal, que tem dois filhos, conta que o isolamento social tem sido um aprendizado para a família. “Eu já trabalhava bastante em home office por conta da minha profissão, mas agora precisamos organizar a nossa rotina com todos em casa”, conta a empresária.

As canções cantadas, já no primeiro dia do show, ultrapassaram os muros do condomínio em que vivem e moradores de prédios vizinhos também participaram. “Recebemos várias mensagens de pessoas falando que se emocionaram, que o show foi um momento de esperança e que torna o isolamento menos solitário”, relata Camila. Diariamente, durante a tarde, Camila e Thiago enviarão mensagens aos vizinhos com o repertório da noite e os shows seguirão até o fim da quarentena. “Enquanto o isolamento for necessário faremos de tudo para tornar isso algo mais positivo”, finalizou.

Pensamentos positivos

Além dos shows na sacada, Camila tem usado as redes sociais para levar palavras de conforto aos que a acompanham. Autora do livro “Um dia de cada vez — Amor e Gratidão — ela conta que diariamente, às 16h30, inicia uma live pelo Facebook e lê sua obra em capítulos. “O livre conta a minha trajetória com o meu pai e foi uma promessa que fiz a ele durante o tratamento de um tumor cerebral que o acometeu. Foi um período de muito aprendizado e busco dividir isso com os outros.”

Comentários