Brasil

Rejeição a Bolsonaro chega a 38%, aponta pesquisa Datafolha

No levantamento anterior, realizado no início de julho, a rejeição do presidente era de 33%
Jair Bolsonaro é, de longe, o presidente eleito em primeiro mandato com maior rejeição. Crédito da foto: Evaristo Sa / AFP (29/08/2019)

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) é rejeitado por 38% das pessoas, segundo pesquisa Datafolha realizada em 29 e 30 de agosto com 2.878 eleitores. No levantamento anterior, realizado no início de julho, a rejeição do presidente era de 33%.

Já a aprovação de Bolsonaro recuou de 33% para 29% no mesmo período – dentro da margem de erro, de dois pontos para cima ou para baixo.

Leia mais  Bolsonaro diz que vai à ONU nem que seja de cadeira de rodas: 'Quero falar sobre Amazônia'

 

As pessoas que julgam o governo Bolsonaro como regular são 31% – eram 30%. No Nordeste, a rejeição saltou de 41% para 52% entre as duas pesquisas.

Jair Bolsonaro é, de longe, o presidente eleito em primeiro mandato com maior rejeição: em agosto de 1995, Fernando Henrique Cardoso era reprovado por 15%; Luiz Inácio Lula da Silva, em agosto de 2003, por 10%; e Dilma, em agosto de 2011, por 11%. (Estadão Conteúdo)

Comentários

CLASSICRUZEIRO