Brasil Covid-19

Professores podem se cadastrar para vacina

Professores podem se cadastrar para vacina
O secretário de Educação de São Paulo, Rossieli Soares. Crédito da foto: Fabio Rodrigues Pozzebom / Agência Brasil (14/12/2018)

A Secretaria de Educação do Estado de São Paulo anunciou ontem (1º) que os profissionais da área já podem realizar o cadastro para receberem a primeira dose da vacina contra a Covid-19. A primeira etapa da imunização para o pessoal da educação terá início no dia 12 de abril, para servidores e funcionários a partir de 47 anos. O cadastro pode ser feito no site https://vacinaja.sp.gov.br/educacao.

“Nós pedimos que todas as pessoas se cadastrem, até as que têm menos de 47 anos e não devem ser vacinadas nesta primeira etapa”, explicou o secretário Rossieli Soares.

Na primeira fase da vacinação, o Governo de São Paulo vai destinar 350 mil doses para imunizar os profissionais da educação com mais de 47 anos que atuam nas escolas — desde a creche ao ensino médio — das redes estadual, federal, municipais e privadas do Estado. A medida visa garantir mais segurança para o retorno das atividades presenciais nas escolas.

Leia mais  Ladrão furta 50 doses de vacina

Os profissionais devem fazer o cadastro no site indicando número do CPF, nome completo e e-mail. Em seguida, ele receberá um link no e-mail indicado e será necessário validá-lo para dar continuidade ao cadastro. É importante verificar se o e-mail não foi deslocado para a caixa de spam.

No passo seguinte, o profissional deve confirmar os dados pessoais e apontar nome da escola, rede de ensino, município e cargo ocupado. Também será necessário anexar os holerites dos meses de janeiro e fevereiro.

Na sequência, o cadastro passará por um processo de análise e, se validado, o profissional receberá em seu e-mail o comprovante VacinaJá Educação, documento que traz um QRCode para verificação de autenticidade.

No momento da vacinação, o profissional da educação deverá apresentar o comprovante VacinaJá Educação, RG e CPF para conferência dos dados pelo profissional de saúde. (Da Redação)

Comentários