fbpx
Brasil

‘Pode ter se equivocado’, diz Bolsonaro após fala de filho sobre Previdência

Eduardo Bolsonaro disse que o governo "talvez não consiga" votos para aprovar mudanças nas regras da aposentadoria
O presidente eleito Jair Bolsonaro. Foto: Arquivo/Evaristo Sa / AFP

O presidente eleito Jair Bolsonaro disse que seu filho, o deputado federal Eduardo Bolsonaro, pode ter se equivocado ao falar que não será possível aprovar a reforma da Previdência. Em encontro com investidores nos Estados Unidos, o filho do presidente disse que o governo “talvez não consiga” votos para aprovar mudanças nas regras da aposentadoria no Congresso Nacional.

“Pode ser que ele tenha se equivocado, o garoto, né? Com toda certeza, alguma reforma a gente vai propor para o Parlamento discutir e aprovar a partir do ano que vem que não é essa que está aí”, disse o presidente eleito no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), onde a equipe de transição está instalada. “Tenho certeza que meu filho não disse isso, ele está fazendo um excelente trabalho nos Estados Unidos”, completou.

Leia mais  Bombeiros não encontram sobreviventes no local de queda de avião em SP

Questionado por jornalistas sobre a aprovação da reforma, Bolsonaro disse que “no corrente ano, acho muito difícil”.

Bolsonaro afirmou ainda que vai trabalhar para aprofundar as relações com o mundo todo. “Coisa rara, elegeram um presidente da República que não é inimigo dos Estados Unidos.” (Luisa Marini, Tânia Monteiro e Julia Lindner/ Estadão Conteúdo)

Comentários