Brasil

Moro: foram criadas ‘hipóteses fantasiosas’

Moro: foram criadas ‘hipóteses fantasiosas’
Sérgio Moro, ex-ministro da Justiça. Crédito da foto: Marcos Corrêa/PR

O ex-ministro da Justiça e Segurança Pública e ex-juiz da Operação Lava Jato, Sergio Moro, disse que foram criadas “hipóteses fantasiosas” sobre as mensagens hackeadas dos procuradores que integraram a força-tarefa de Curitiba. As conversas foram apreendidas na Operação Spoofing, que prendeu o grupo acusado pelo ataque cibernético, e liberadas ao ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva pelo Supremo Tribunal Federal. Desde então, a defesa do petista vem apresentando ao Tribunal laudos feitos por um profissional independente contratado para periciar o material. A análise tem sido feita em etapas em razão do volume de conversas interceptadas.

“O que eu tenho visto é uma série de fantasias construídas, narrativa”, disse Moro em seminário virtual promovido pelo Ceap Brasil na segunda-feira, 1º. “Se vê muito no recurso argumentativo a profusão de adjetivos. Se você não tem argumentos, se você não tem fatos, você carrega nos adjetivos, obscurecendo a falta de reais argumentos”. (Estadão Conteúdo)

Comentários