fbpx
Brasil

Despachante é presa em Curitiba ao tentar legalizar paquistanês

Mulher apresentou no setor de migração da PF documentos para tentar regularizar a permanência de um imigrante ilegal
Policiais desconfiaram das declarações de residência e união estável com um brasileiro, fizeram diligências e constataram a falsidade da união estável. Crédito da foto: Fábio Rogério / Arquivo JCS (17/4/2018)

A Polícia Federal prendeu nesta segunda-feira (22) em flagrante uma despachante paquistanesa que tentou simular uma união estável entre um paquistanês e uma brasileira no esforço de regularizar a situação de estrangeiro ilegal no país.

A despachante paquistanesa apresentou no setor de migração da Polícia Federal em Curitiba documentos para tentar regularizar a permanência de um imigrante ilegal, também paquistanês, que reside em Curitiba.

Os policiais desconfiaram das declarações de residência e união estável com um brasileiro, fizeram diligências e constataram a falsidade da união estável. A despachante foi presa em flagrante.

A Polícia Federal informou que foi instaurado um inquérito policial para apurar a falsa declaração da brasileira de união estável com o imigrante, além da falsa declaração de residência do proprietário do imóvel.(Agência Brasil)

Comentários