Go Fashion

A bolsa preferida da Rainha Elizabeth é a mesma há 50 anos

Foto: Toby Melville/REUTERS/Getty Images

Por Julia Rolim

 

Muito mais do que acessórios e símbolo de luxo, as tão famosas bolsinhas de mão da Rainha Elizabeth II, que são sempre da grife britânica de luxo Launer, estão sempre compondo seus looks. A relação da família real com a etiqueta de bolsas de luxo é antiga, desde a década de 50… Quando a “rainha-mãe” comprou um modelo e posteriormente, deu um de presente para a filha, que se tornou adepta desde então. E em 1968, Elizabeth II concedeu um “Royal Warrant” (um tipo de mandado real) à grife, e essa nomeação reconhece quem oferece bens e serviços à realeza.

Porém, o que pouca gente sabe é que, além das bolsas serem de sua marca favorita, elas ainda funcionam como uma forma de emitir sinais toda vez que a Rainha vai para eventos. Por exemplo: quando a bolsa, que geralmente é carregada por ela na mão esquerda, é trocada de lado, o ato demonstra para seus funcionários a “resgatem” de onde ela está (possivelmente de conversas ou companhias um tanto quanto desinteressantes); já o jornal Telegraph afirma que se a bolsa for colocada sobre uma mesa durante um evento, o jantar deve acabar em cinco minutos; e se o item for ao chão, é alarmante e os assistentes devem resgatá-la urgentemente!

Foto: Getty Images

E, mesmo que a sua coleção pessoal de bolsas Launer conte com aproximadamente 200 modelos diferentes, o jornal britânico Daily Express notou, na última semana, que ela possui uma fiel escudeira, uma queridinha, que vem atravessando décadas e a acompanha há, no mínimo, 50 anos.

Trata-se da Rayne, um modelo preto clássico da Launer, de verniz, quadradinho, de alça única e sem muitos detalhes, a não ser por um metal sob o fecho da bolsa. É aquele famoso tipo de acessório pretinho básico que “vai com tudo”, sabe?

Foto: Stuart C. Wilson/Getty Images

Uma das primeiras aparições da Rainha da Ingleterra e sua bolsa foi nos anos 70, quando conheceu Richard Nixon, presidente dos Estados Unidos na época.

Foto: Bettman/Contributor/Getty Images

Quando se encontrou pessoalmente com Bill e Hillary Clinton, no Palácio de Buckingham em 2000, a Rainha também carregava a tal bolsa…

Foto: John Stillwell – PA Images/Getty Images

Olha só quem apareceu, em 2008, no braço esquerdo de Elizabeth: a Rayne. Na ocasião, ela se encontrou com Nicolas Sarkozy, presidente da França na época, e Carla Bruni, a primeira-dama. Bom, será que essa é a bolsa oficial para conhecer presidentes?

Foto: Kieran Doherty – PA Images/Getty Images

Look novo, mesma bolsa: a Rainha apareceu para uma corrida de cavalos, em 2003, casando um casaco invernal azul com a famosa bolsa preta.

Foto: UK Press/Getty Images

Por fim, em 2018, a Rainha Elizabeth II foi dar uma olhada em seu mais novo retrato oficial. Dá para notar que a bolsa usada por ela na ocasião não é a mesma das fotos anteriores… Porém, se olhar com atenção para o quadro, lá está a boa, velha, luxuosa e versátil bolsinha preta.

Haja amor por uma só peça! rs

Foto: Heathcliff O’Malley – WPA Pool/Getty Images

O que achou desta bolsa básica e super icônica? Você também tem uma queridinha?
Me conte por email (juliarolimg@gmail.com), vou adorar saber a sua opinião.
Me acompanhe também no Instagram (@julia.rolim). Até a próxima!

Comentários

Sobre o Autor

Go Fashion

Go Fashion

Olá! Me chamo Julia Rolim, graduada em design de moda pela Esamc Sorocaba e blogueira. Sou apaixonada por moda e todos os tipos de arte. O meu blog pessoal, chamado Loucuras de Julia, aborda temas como moda e cultura, trazendo sempre novidades, inspirações e conhecimento a mais. Aliás, conhecimento nunca é demais! E aqui, me aprofundarei em moda e estilo.

CLASSICRUZEIRO