AGENDA

Agenda



Festival de cenas curtas - A Cia. Clássica de Repertório promove hoje um festival de cenas curtas, denominado Festival 3 Cs (curtas, clássicos e contemporâneos). Os interessados em participar se inscreveram e os selecionados foram: “Mudar para capitar” (Mika Rodrigues); “Nariz vermelho” (Amilton Sanches); “O despertar do envelhecer” (Alessandra Dias); “O natal da barca” (Conflito a dois); “Os fuzis da senhora Carrar” (Rafael Milbio); “Quinta carta” (Carpintaria Artes Cênicas); “Trechos de nós” (Ocuspokus Recreação) e “Tô saindo” (Lucas Sichosky). O festival começa às 19h. As cenas (monólogos) têm duração máxima de 15 minutos. Os ingressos custam R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia). Haverá premiação, com direito a troféu, nas seguintes categorias: ator, atriz, direção, melhor curta clássico e melhor curta contemporâneo. A cerimônia de premiação ocorre amanhã. O Teatro Escola Mario Persico fica na rua da Penha, 823. 
 
Fandango - O Sesc promove hoje, às 17h30, dentro da programação especial do projeto “Iorubrá - Quilombo: Cultura, Território e Resistência”, uma apresentação de Fandango. A atividade gratuita, que acontece na área de convivência da unidade, será ministrada por membros do Quilombo Morro Seco, de Iguape/SP, e é livre para todas as idades. O Fandango é o conjunto de várias danças, conhecidas como “marcas”, embora já tenha sido executado em celebrações em países europeus, hoje ele está integrado à região sul do Brasil. Essa manifestação cultural foi introduzida no sul do país, mais especificamente no estado do Paraná, pelos portugueses açorianos que detinham forte inspiração da cultura espanhola em 1750. O Fandango então passou a integrar as comemorações do Entrudo, o ancestral do Carnaval. Com o passar do tempo, o Fandango executado no Paraná foi assimilado pelo caboclo do litoral, assumindo assim seu caráter folclórico, e desta forma é preservado até hoje. O Sesc fica na rua Barão de Piratininga, 555. 
 
Semana do Hip Hop - Com o lema “Identidade, luta e resistência”, a Semana Muncipal do Hip Hop prossegue com atividades hoje, às 14h, no Parque dos Espanhóis, e amanhã, também às 14h, na praça da Vila Helena (rua Laurindo Matezi). O encerramento da Semana do Hip Hop será na segunda-feira, dentro da Feira Crespa, que será realizada na Praça Cel. Fernando Prestes. Toda a programação é gratuita. Instituída por lei municipal em 2003, a Semana Municipal do Hip Hop conta com apresentações de rap, discotecagem, break e grafite. A realização do evento teve orçamento de R$ 25 mil, proveniente de uma emenda ao Orçamento Muncipal apresentada em 2016 pelo então vereador Izídio de Brito (PT). Vale lembrar que no ano passado a Semana Municipal do Hip Hop foi suspensa pela Prefeitura sob a alegação de contenção de despesas.
 
Feira de Artes Plásticas - A Prefeitura de Sorocaba por meio da Secretaria de Cultura e Turismo realiza amanhã, a partir das 9h, mais uma edição da Feira de Artes Plásticas, na Praça Pio XII, localizada no Jardim Santa Rosália. O evento contará com mais de 30 artistas locais que apresentarão e comercialização suas pinturas, esculturas e artesanatos. Além disso, o público poderá conferir de perto todo o processo de criação desses trabalhos. Para alegrar o ambiente, pinturas faciais gratuitas serão realizadas em crianças pela artista Vally. Aos artistas interessados em apresentar e vender as suas produções, devem entrar em contato com Adilson Vieira Jorge no local da feira. A Praça Pio XII fica na av. Pereira da Silva, s/nº. 
 
Duo Benziê - A próxima edição do projeto Domingo no Parque, que acontece amanhã, às 11h, contará com apresentação do Duo Benziê. O evento é aberto ao público e será realizado no Parque Carlos Alberto de Souza, no Campolim. O Duo Benziê é formado por Vic Conegero e Du Pessoa. Essa união começou em 2016, quando planejavam uma viagem pela Colômbia. A ideia de compartilhar uma experiência musical em outro país, podendo trocar a hospedagem pela música, foi o que deu combustível aos dois. O sonho continuou neste ano, quando, ao retornarem para o Brasil, gravaram um som autoral, a canção “Casa amarela”, que foi destaque nas mídias sociais e emplacou entre as 50 músicas virais do Brasil no Spotify. Lançaram também o single “Cores”, abrindo mais portas à dupla. No momento, eles trabalham em seu primeiro álbum “Alucinante demais”. Quem comparecer ao evento de amanhã poderá conferir grandes clássicos de ritmos brasileiros, como samba, forró e rock. Como a apresentação será realizada em espaço aberto, a organização lembra que caso o dia amanheça chuvoso, o evento será cancelado e remarcado. 



comments powered by Disqus