ARTIGOS

Mantenha limpo o coração


Geraldo Bonadio

Ao tempo de Jesus, os fariseus compunham um grupo religioso que, dentro do judaísmo, defendia a estrita observância das escrituras e da tradição oral. Detalhando as leis de Moisés, eles estabeleceram um grande número de regras a serem cumpridas no ato de lavar as mãos, antes das refeições. Quem não as seguisse rigorosamente se tornava impuro e era posto à margem da vida social.

Jesus deve tê-los escandalizado profundamente ao ensinar, numa de suas parábolas, que o fato de a pessoa não lavar as mãos antes de tomar lugar à mesa, não tornava ninguém impuro. A novidade era tanta que Pedro, discípulo sempre impulsivo, quis confirmar que entendera as palavras do Mestre e pediu que ele retomasse o assunto. Jesus, atendendo-o, fez um interessante paralelo acerca das relações entre mãos, coração e boca.

Explicou que aquilo que a mão leva à boca não torna a pessoa impura. O que a contamina são os pensamentos que, gerados em seu coração e expressos por palavras ou gestos, atingem o outro, sob a forma de mentiras e calúnias, ou inspiram atos que podem feri-lo ainda mais profundamente e mesmo roubar-lhe a vida.

Se não chegamos hoje aos exageros dos contemporâneos de Jesus, conservamos -- por bons motivos -- o cuidado de manter as mãos limpas, a fim de evitar que venhamos a contrair alguma doença. Pena é que não demos atenção semelhante à limpeza do coração, permitindo que nele se acumulem detritos altamente tóxicos. Eles ali fermentam, geram sentimentos perversos e, mais à frente, geram ações empapadas de ódio e rancor. Estas nos colocam em choque com nossos irmãos em humanidade e nos afastam de Deus.

"Então Pedro disse: "Explique-nos a parábola de que as pessoas não são contaminadas pelo que comem". "Ainda não entendem?", perguntou Jesus? "Tudo o que comem passa pelo estômago e vai para o esgoto, mas as palavras vêm do coração e é isso que as contamina. Pois do coração vêm maus pensamentos, homicídio, adultério, imoralidade sexual, roubo, mentiras e calúnias. (...)"

Evangelho de Mateus 15:15-20
Nova Versão Transformadora



comments powered by Disqus