INFORMAÇÃO LIVRE

Sessão da Câmara


A 71ª sessão ordinária de 2017 da Câmara Municipal de Sorocaba colocará em votação 16 matérias em primeira, segunda e única discussões, hoje. Um dos projetos que será analisado pela primeira vez no plenário propõe que doadores de medula óssea fiquem isentos da taxa de inscrição de concursos públicos e provas seletivas do município. O projeto é de autoria do líder de governo Irineu Toledo (PRB) e recebeu parecer de inconstitucionalidade da Comissão de Justiça. Isso porque o texto foi protocolado na Câmara no ano passado e, conforme a legislação federal, não é permitida a concessão de benefícios e isenções em anos eleitorais.

Peregrinação

O secretário de Cultura, Werinton Kermes, vai hoje à Câmara para uma "peregrinação" em busca de verbas para reforçar o orçamento da pasta no ano que vem. Ele promete circular pelos gabinetes na tentativa de sensibilizar os vereadores a destinar, por meio de emendas, recursos para a secretaria que tem a projeção de operar com R$ 17,4 milhões no ano que vem. Kermes diz contar com a sensibilidade dos vereadores para que haja orçamento hábil para atender as demandas da cidade. Curiosamente, a peça orçamentária municipal para 2018 foi elaborada pelo próprio governo do qual o secretário faz parte.

Data confirmada

Foi oficialmente incluído na pauta do dia 27 de novembro do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJ-SP) o julgamento do mérito do processo que, em caráter provisório, resultou na volta do prefeito José Crespo (DEM) ao cargo após sua cassação pela Câmara Municipal, em agosto. Na semana passada, o TJ negou a informação de que a data já estaria definida. A notícia já corria nos bastidores e agora se tornou oficial, constando inclusive nos autos do processo. Caso o recurso de Crespo seja julgado procedente em definitivo, a questão deve ter seu desfecho, já que a Câmara anunciou que não deve recorrer à instância superior.

Bairro em Bairro

Em reunião realizada na tarde desta segunda-feira, 13, no Paço Municipal, o presidente da Câmara, Rodrigo Manga (DEM), entregou ao prefeito José Crespo o relatório final com o balanço da quarta edição do programa Câmara de Bairro em Bairro, evento que reuniu cerca de 200 pessoas no dia 21 de outubro na Casa do Cidadão de Brigadeiro Tobias. Manga estava acompanhado dos vereadores Luis Santos (Pros), Fausto Peres (Podemos), Wanderley Diogo (PRP) e Rafael Militão (PMDB). O documento apresentado à Prefeitura, assinado pelos 20 vereadores, aponta 250 necessidades dos moradores do bairro e adjacências, com ênfase para segurança pública (20% das demandas), urbanismo (18%) e saúde (15%).



comments powered by Disqus