CULTURA

Grupo Katharsis apresenta espetáculo e faz bate-papo no Sesc

Espetáculo "As estrelas são para sempre?" será apresentado nos dias 13 e 14 e o bate-papo "Corpo e teatralidade na cena contemporânea" será no dia 14


O Projeto Coletivações, do Sesc Sorocaba, traz o Grupo Katharsis de volta ao palco do Teatro para a apresentação do espetáculo "As estrelas são para sempre?", dias 13 e 14, sexta e sábado, às 20h, e para o bate-papo "Corpo e teatralidade na cena contemporânea", no dia 14, sábado, às 15h.

Em "As estrelas são para sempre?" vários personagens anônimos, que falam línguas diferentes e habitam um espaço e um tempo sem referência, que só existem enquanto dura a percepção são colocados em cena. Estas cenas remetem à infância, à vida adulta e à velhice, estabelecendo um tipo de comunicação que se apronta numa dimensão de espaço e tempo, mas logo se liquefaz. A direção é de Roberto Gil Camargo.

Os ingressos para o espetáculo custam R$ 5,00 para credenciados no Sesc e dependentes (credencial plena), R$ 8,50 para aposentados (pessoas com mais de 60 anos), pessoas com deficiência, estudantes e servidores da escola pública com comprovante e R$ 17,00 inteira. A classificação etária é 14 anos.

Corpo e teatralidade na cena contemporânea

No bate-papo, o ator-mímico, diretor e dramaturgo Luis Louis junto aos integrantes do Grupo Katharsis, discutem questões inerentes ao fazer teatral contemporâneo e aos métodos aplicados pelo Grupo Katharsis dentro e fora da academia na qual o grupo está sediado. O encontro será gratuito e acontece no Teatro da Unidade. Os ingressos devem ser retirados com uma hora de antecedência, na Central de Atendimento. A classificação etária é 12 anos.

Grupo Katharsis

O Grupo Katharsis iniciou as suas atividades em 1989. Mais tarde, 1994, o diretor, então como chefe do departamento de Letras da UNISO (Universidade de Sorocaba), anexou o grupo ao curso de Letras, caracterizando-o como uma atividade de extensão vinculada à Pró-Reitoria de Extensão e Assuntos Comunitários, da universidade.

O dramaturgo e pesquisador de iluminação Roberto Gill Camargo, assumiu a direção do Katharsis em 1995, propondo uma nova dinâmica nos trabalhos desenvolvidos pelo grupo. Apresentando obras mais densas, o grupo partiu em busca de uma linguagem cênica própria, única. Iniciou, então, um período de estudos, promovendo seminários acerca do teatro contemporâneo que resultaram no espetáculo-conferência intitulado, Endoscopia (2005).

Em seguida, os seminários se tornaram atividades anuais no calendário do grupo, sendo apresentados no intuito de estimular a discussão teatral no evento Seminário Contemporâneo, que já em sua 4º edição apresentou colóquios com temas relacionando o teatro à arte-educação, à sua história na cidade de Sorocaba, às midías e ao homem contemporâneo.

Com o espetáculo "Aves, ovos e parafusos", o grupo particularizou a linha de pesquisa. O espetáculo foi premiado em importantes festivais nacionais chegando a ser selecionado para participar do Quinto Festival de Acciones Escenicas Lima-Norte 2007, no Peru, além de ganhar melhor espetáculo no 21º Festival Universitário de Teatro de Blumenau, com prêmios individuais de direção (Roberto Gill Camargo), melhor atriz (Andréia Nhur) e melhor figurino (Janice Vieira), além de várias indicações. Andréia Nhur ganhou prêmios de melhor atriz em outros dois festivais nacionais (Americana e Rio das Ostras). Atualmente, o Katharsis realiza ao longo do ano seminários, imersões e apresentações, focando seus trabalhos, principalmente, na participação em festivais e mostras teatrais.

SERVIÇO:

As estrelas são para sempre?
Dia 13 e 14, sexta e sábado, às 20h.
Teatro. 270 lugares. 14 anos.

Ingressos
R$ 5,00 ¿ Credencial Plena ¿ Trabalhador do Comércio de bens, serviços ou turismo matriculado no Sesc e dependentes.
R$ 8,50 ¿ Meia entrada para estudantes, servidores de escola pública, pessoas com mais de 60 anos, aposentados ou deficientes.
R$ 17,00 ¿ Inteira.

Bate-papo: Corpo e a teatralidade na cena contemporânea
Dia 14, sábado, às 15h.
Teatro. Vagas limitadas. Grátis. 14 anos.
Retirada de ingressos com 1h de antecedência na Central de Atendimento.

Sesc Sorocaba
Rua Barão de Piratininga, 555, Jardim Faculdade.
Telefone: (15) 3332-9933.

(Sesc Sorocaba)



comments powered by Disqus