SOROCABA E REGIÃO

Cuidadora denuncia 'abandono' do hospital da Santa Casa de Sorocaba


Falta de lençóis e cadeiras de banho com rodas enferrujadas são alguns dos problemas constatados na Santa Casa de Sorocaba e relatados na última sexta-feira, pela cuidadora de uma paciente idosa, que prefere não ser identificada. Ela teme pela saúde dos pacientes. Como sempre acompanha pessoas doentes de forma voluntária, a cuidadora disse já ter visto não haver lençol nem mesmo para embalar o bebê logo após o parto. No local também não há poltronas para acompanhantes, que precisam ficar o tempo todo em pé.
 
A direção do Sindicato dos Trabalhadores da Saúde de Sorocaba e Região disse que visitará as instalações do hospital, que está sob intervenção municipal, logo após o feriado prolongado devido ao aniversário da cidade.
 
Em nota, a Prefeitura admitiu a existência de alguns problemas de estrutura e manutenção no prédio do hospital, mas negou haver falta de estoque de lençóis, e informou que está em fase final o processo licitatório para a compra de cadeiras para acompanhantes.
 
De acordo com a cuidadora, sexta-feira pela manhã foram deixados os lençóis no quarto, mas antes mesmo que houvesse a troca da roupa de cama, uma funcionária retornou naquele quarto e pegou de volta os lençóis ali deixados, a fim de serem colocados em outros leitos, provavelmente em situações piores de limpeza.
 
A acompanhante falou também que muitas cadeiras de banho estão com as rodas enferrujadas, o que representa um perigo para os pacientes, que podem se machucar. No hospital também não há cadeiras para acompanhantes, e as portas dos quartos estão corroídas por falta de manutenção, disse ela.
 
O presidente do Sindicato dos Trabalhadores da Saúde de Sorocaba e Região, Milton Sanches, afirmou que o problema vem ocorrendo desde que foi terceirizado o serviço da lavanderia, o que, ao seu ver, não foi boa ideia. Isso porque, conforme disse, "o serviço ficou mais caro, e pior".
 
Ele revelou que outra preocupação diz respeito à possível terceirização da limpeza. Nesse sentido, Sanches acrescentou que não vê motivo para a Prefeitura promover mais essa terceirização, se em breve deverá terminar o prazo da intervenção.
 
Entretanto, conforme Milton, também na condição de conselheiro municipal da Saúde, irá acionar os demais integrantes dessa comissão para visitar o hospital.
 
O dirigente sindical lembrou ainda que a intervenção não permite que o Executivo faça investimento no prédio, "mas isso não significa que não tenha que proporcionar bem estar aos pacientes", ponderou.
 
Sem condições de investir
 
Em nota encaminhada pela assessoria de imprensa da Prefeitura, a Comissão Gestora Especial, que administra a Santa Casa durante o período da intervenção, afirma que os problemas de estrutura e manutenção no prédio são anteriores à requisição, e que uma reforma geral, neste momento, é quase inexequível, tanto em termos financeiros, quanto para a prefeitura investir um valor alto em uma unidade que não é própria.
 
Em relação às cadeiras de banho com rodas enferrujadas, foi respondido que no ano passado a prefeitura adquiriu diversas cadeiras de banho e de rodas em processo licitatório, explicando ainda que o desgaste é natural devido ao uso intenso e contato constante com líquidos e fluídos, mas que isso não impede o uso para o fim ao qual se destina, que é a locomoção de pacientes imobilizados.
 
No tocante aos lençóis, a Comissão Gestora Especial pontuou que o fornecimento está normalizado e sem reclamações recentes. Mas diante do que foi narrado pela cuidadora, a explicação é que pode ter ocorrido a troca acima da média em determinados leitos, e pela entrega ser diária e dimensionada, com uma quantidade esperada de trocas por leito, pode ser que em algumas situações específicas tenha havido falta do enxoval, mas que esse não é um problema corriqueiro e nem de estoque.
 
Quanto às cadeiras para acompanhantes, no início da requisição, esse problema foi identificado e solicitada a compra de poltronas. O processo licitatório está em fase final.
 


OCULTAR COMENTÁRIOS
comments powered by Disqus