ECONOMIA

Comércio tem movimento intenso para o Dia dos Pais

O Dia dos Pais, que é comemorado em todo o País neste domingo (13), movimentou o comércio na manhã deste sábado, no Centro de Sorocaba. Muitas pessoas foram em busca de presentes para não deixar a data passar em branco. Segundo uma pesquisa feita pela Associação Comercial de Sorocaba (Acso), em relação ao ano passado, o aumento nas vendas do comércio por conta da data deve ser de 2% este ano. Já os lojistas estão mais animados e acreditam em um aumento entre 15% a 20%.

É o caso do gerente de uma lojas de sapatos, Alexandre Lucas Martins, que fica entre as ruas Doutor Braguinha e Barão do Rio Branco. "O movimento durante a semana foi bom e neste sábado está melhor do que nos anteriores por conta da venda de presentes para o Dia dos Pais". Alexandre afirma que os produtos mais vendidos para os papais foram sandálias e chinelos, na faixa de R$ 60,00. "A loja abriu às 9h e iremos até às 18h para que as pessoas possam comprar os presentes". Segundo ele, a expectativa é que este ano as vendas do Dia dos Pais sejam entre 15% a 20% maiores do que em 2016. "O movimento está bom e as pessoas estão pelo menos comprando uma lembrança para não deixar a data passar em branco".

Era o que também pretendia a vendedora Michele Gonçalves Vegana, 28 anos, que estava em busca de uma lembrança para o pai dela e não deixar a data passar sem um presente. "Estou en dúvida entre comprar uma camiseta ou um chinelo, e pretendo gastar cerca de R$ 40,00".

A técnica em alimentos, Érica Miranda, e a filha Noemi Rebeca Magalhães Miranda, 12 anos, também foram em buscas de presentes para os pais. A garota conta que iria escolher um tênis de presente e a mãe dela estava em busca de um presente para o pai dela e outro para o sogro. "Não pretendo gastar muito, mas devo escolher um tênis até no máximo R$ 120,00 para minha filha dar de presente ao pai, e uma camisa para o meu sogro. São lembranças que a gente compra uma vez por ano para não deixar a data passar sem comemoração", afirma Érica.

De acordo com a pesquisa da Acso, a data deve movimentar cerca de R$ 12 milhões em Sorocaba. Das pessoas que foram entrevistas, 62% afirmaram presentear no Dia dos Pais. Desse total, 23% preferem gastar até R$ 50 e 39% entre R$ 51 e R$ 100. O restante pretende desembolsar mais de R$ 101. A estimativa se baseou no estudo realizado no início de agosto, que consultou 120 consumidores no Centro da cidade.

Para o presidente da Acso, José Alberto Cépil, "independente do valor do presente, os filhos não abrem mão de comprar uma lembrança carinhosa para os pais, e após uma pesquisa de preços é possível adquirir algo atrativo por um valor mais justo e atraente". Segundo ele, a melhor expectativa da economia no segundo semestre deve refletir de forma positiva nas vendas do comércio para o Dia dos Pais.


OCULTAR COMENTÁRIOS
comments powered by Disqus