CULTURA

Toquinho traz sucessos de 50 anos de carreira


Sucessos como Tarde em Itapoã, Que maravilha, Samba de Orly e Aquarela estão no repertório do show 50 Anos de Música, que o cantor, compositor e violonista Toquinho apresenta em Sorocaba amanhã, às 21h, no Ipanema Clube (rua Sete de Setembro, 700). Os ingressos, disponíveis até o fechamento desta edição, custam a partir de R$ 75 (cadeira central, meia-entrada) e podem ser adquiridos pelo site www.guicheweb.com.br.
 
De acordo com a ZEventos, responsável pela realização do show, a abertura da casa ocorre às 20h e às 21h haverá show de abertura com o duo Elã, formado pelas cantoras Bárbara Rodrix e Bruna Moraes, com participação de Felipe Caramez. O início do show de Toquinho está previsto para as 21h30.
 
Além de seu inseparável violão, Toquinho estará acompanhado do contrabaixista Ivâni Sabino, do baterista Celso de Almeida e da cantora Anna Setton para celebrar os 50 anos de carreira, inaugurada em 1966, aos 20 anos, com o disco instrumental O violão de Toquinho. "Meu repertório é vasto. Se quisesse faria um show diferente a cada apresentação", comenta o músico, acrescentando que entre os maiores sucessos, procura mesclar aqueles que mais empolgam as pessoas. "É emocionante sentir que o público canta junto, tornando o show mais intimista e agradável", complementa.
 
De acordo com Toquinho, o show comemorativo também foi uma forma "prazerosa" encontrada para prestar homenagem aos seus parceiros letristas como Vinícius de Moraes, Chico Buarque, Jorge Ben Jor, Mutinho e Paulinho da Viola. "É prazeroso prestar homenagem aos parceiros que me ajudaram a construir esses 50 anos de carreira cantando músicas que sensibilizam o público e marcam por sua qualidade poética."
 
Natural de São Paulo, Antonio Pecci Filho, o Toquinho, começou a estudar violão em 1959, no limiar da bossa nova, inspirado pela batida inusitada de João Gilberto em Chega de saudade. Aos 14 anos, frequentava aulas com seu principal mestre, Paulinho Nogueira. "O violão é a base de minha formação musical. Tudo começou a partir de minha dedicação em conhecer cada vez mais seus mistérios e aprimorá-los, surgindo daí o compositor e o intérprete daquilo que o instrumento me favorecia. O violão é meu amuleto, meu psicólogo, o amigo que carrego fora e dentro do peito numa junção de pele e madeira, cordas e coração", diz.
 
Na década de 1960, já como profissional, tocou com nomes como Taiguara, Chico Buarque, Elis Regina, Zimbo Trio, Caetano Veloso, Gal Costa, Maria Bethânia, Gilberto Gil e Paulinho da Viola. A grande amizade com Chico Buarque propiciou-lhe a primeira parceria musical, Lua cheia, a primeira composição de sua carreira. Os primeiros sucessos surgiram em parceria com Jorge Ben Jor, na canção Que maravilha, e com Paulo Vanzolini, na canção Boca da noite.
 
Em 1970, iniciou parceria com Vinícius de Moraes, com quem teve a oportunidade de trabalhar na boate La Fusa, em Buenos Aires, acompanhados pela cantora Maria Creuza. A partir de então, Toquinho iniciava com Vinícius uma parceria que extrapolou a relação profissional e se consolidou numa fraternal amizade robustecida ao longo de dez anos por uma incrível criatividade, tornando-se o parceiro mais produtivo do grande poeta em mais de cem canções.
 
"Tenho o privilégio de ter trabalhado com parceiros que, além de amigos, são verdadeiros poetas da música popular, inclusive com conhecimentos musicais.Todos eles estão vivos nas canções e nas histórias que conto durante o espetáculo", acrescenta.
 
Com cinco décadas de estrada, Toquinho revela que continua compondo, completando canções com letras do poeta chileno Antonio Skármeta e em parcerias com Paulo Cesar Pinheiro e Jorge Ben Jor. Segundo ele, as "fagulhas" de inspiração de novas canções brotam do cotidiano, das emoções das pessoas e do que a vida lhe proporciona. "Cada acorde novo é o reflexo de uma percepção, de uma frase, de um gesto, de uma palavra que levam a uma nova composição", conclui.
 
Os ingressos do show também estão à venda na secretaria do Ipanema Clube, na loja O Camiseiro (avenida Barão de Tatuí, 1.220, Centro) e Loja dos Sonhos Colchões (rua Mascarenhas Camelo, 805, Centro). Mais informações podem ser obtidas no site www.zeventos.com.
 



OCULTAR COMENTÁRIOS
comments powered by Disqus