_ Toquinho traz seu show para Sorocaba no dia 20 de maio - 14/04/17 - CULTURA - Jornal Cruzeiro do Sul
CULTURA

Toquinho traz seu show para Sorocaba no dia 20 de maio


O cantor, compositor e violonista Toquinho apresentará seu show em Sorocaba no dia 20 de maio (sábado), às 21h, no Ipanema Clube. Um dos artistas mais imporTantes da MPB, Toquinho tocará sucessos como Tarde em Itapoã, Que maravilha, Samba de Orly e Aquarela, que fez do compositor o primeiro brasileiro a receber um Disco de Ouro na Itália, além de ser uma das músicas brasileiras mais gravadas em todo o mundo. A organização é da Z-Eventos.
Para Toquinho, o violão passou a ser o prolongamento do próprio corpo. Tudo começou no ano de 1959, no limiar da Bossa Nova. A maneira transformadora de João Gilberto interpretar Chega de saudade, com sua inusitada batida de violão, estimulou Toquinho a aprender a tocar o instrumento. Aos 14 anos já tinha aulas com seu principal mestre, Paulinho Nogueira. Então, com Edgard Gianullo, enriqueceu conhecimentos harmônicos e aprimorou-os com o amigo Oscar Castro Neves. O estilo de Baden Powell tornou-se irresistível ao então iniciante Toquinho, que, a fim de ampliar a técnica , buscou em Isaias Sávio a intimidade necessária com o violão clássico. Já compositor, fez um curso de orquestração com Léo Peracchi.
Iniciou sua carreira profissional na década de 1960 ao lado de grandes nomes da Música Popular Brasileira, como Taiguara, Chico Buarque, Elis Regina, Zimbo Trio, Caetano Veloso, Gal Costa, Maria Bethânia, Gilberto Gil, e Paulinho da Viola. A grande amizade com Chico Buarque propiciou-lhe a primeira parceria musical, Lua cheia, a primeira composição de sua carreira. Também com Chico, viveu sua primeira experiência fora do Brasil, em 1969, quando permaneceu ao lado dele, na Itália durante sete meses. Seus primeiros sucessos surgiram em parceria com Jorge BenJor, na canção Que maravilha, e com Paulo Vanzolini, na canção Boca da noite
Uma fase importante de sua trajetória musical deu-se com Vinicius de Moraes, com quem começou a trabalhar em 1970 no memorável show na Boate La Fusa, de Buenos Aires, acompanhados pela cantora Maria Creuza. A partir de então, Toquinho iniciava com Vinicius uma parceria que extrapolou a relação profissional e se consolidou numa fraternal amizade robustecida ao longo de dez anos por uma incrível criatividade, tornando-se o parceiro mais produtivo do grande poeta em mais de cem canções. Gravaram cerca de 25 discos e realizaram mais de mil shows pelo Brasil e no Exterior.
Depois da morte de Vinicius, em 1980, Toquinho seguiu sua carreira como instrumentista, compositor e intérprete internacional com sucessivas gravações e apresentações na Europa, principalmente na Itália.
Ao longo dos últimos anos comemorando 50 anos de carreira, Toquinho tem feito apresentações constantes por várias cidades brasileiras em shows de diferentes formatos.
Para o show do dia 20, além de cadeiras individuais, a Z Eventos oferece mesas para quatro pessoas, com ingressos diferenciados para sócios e não sócios do Ipanema. Informações sobre ingressos para o show do dia 20 podem ser obtidas pelo telefone (15) 4101-1920 ou no site www.zeventos.com.


OCULTAR COMENTÁRIOS
comments powered by Disqus