_ "John Wick", "Aliados" e "A cura" estreiam hoje - 16/02/17 - CULTURA - Jornal Cruzeiro do Sul
CULTURA

"John Wick", "Aliados" e "A cura" estreiam hoje


Três filmes, um de ação, outro de suspense e um envolvendo terror fazem parte das estreias de hoje nas salas de cinema de Sorocaba. Na sequência: John Wick - Um novo dia para matar, com Keanu Reeves; Aliados, com Brad Pitt; e A cura, que conta com direção de Gore Verbinski, conhecido por filmes da saga cinematográfica Piratas do Caribe. Os dois primeiros filmes chegam elogiados pela crítica, já A cura recebeu avaliações mais negativas e decepcionou quem costuma gostar do gênero.

John Wick - Um novo dia para matar é uma produção norte-americana, com direção de Chad Stahelski. É sequência do filme de 2014, intitulado De volta ao jogo. Nesta nova filmagem, John Wick é forçado a deixar a aposentadoria mais uma vez por causa de uma promessa antiga e viaja para Roma, com o objetivo de ajudar um amigo a derrubar uma organização internacional secreta, perigosa e mortal de assassinos procurados em todo o mundo. De acordo com cinéfilos que já tiveram a oportunidade de assistir, o filme vem com tudo que o público gostou da obra original e amplifica esses elementos. Conforme os críticos, John Wick não é para todos os gostos, mas agrada muito quem é fã de filmes de ação. Nesta sequência há confrontos violentos, tiroteios e tudo o mais que envolve o gênero. A atuação de Keanu Reeves é bastante elogiada. Uma curiosidade é que o diretor do filme, Chad Stahelski, foi dublê na trilogia Matrix, na qual Reeves interpretou o personagem principal.

O suspense Aliados também é produção norte-americana. Com direção de Robert Zemeckis, o filme tem no elenco o ator Brad Pitt, que faz par romântico com a atriz francesa Marion Cotillard. Em uma missão para eliminar um embaixador nazista em Casablanca, no Marrocos, os espiões Max Vatan e Marianne Beausejour se apaixonam perdidamente e decidem se casar. Os problemas começam anos depois, com suspeitas sobre uma conexão entre Marianne e os alemães. Intrigado, Max decide investigar o passado da companheira e os dias de felicidade do casal vão por água abaixo. Conforme a crítica, este não chega a ser um filme daqueles considerados inesquecível, mas ainda assim é recomendado, principalmente pela direção de Robert Zemeckis, considerado um dos diretores "mais acima da média" em atividade.

Alguns dos sites especializados em cinema divulgaram que o filme tem muitas semelhanças com Casablanca.

Já o "terror" A cura, não chega a ser tão de terror assim como dizem aqueles que já assistiram. Esse filme chega a ser divulgado dessa forma mais para atrair público, porque poderia bem ser classificado como suspense. A produção é dos Estados Unidos e Alemanha, com direção de Gore Verbinski. A história é sobre um ambicioso executivo, que é enviado para os Alpes Suíços para resgatar o CEO de sua companhia de um "centro de cura", mas logo descobre que os tratamentos milagrosos do spa não são o que parecem. Quando ele começa a desvendar os segredos aterrorizantes do lugar, sua sanidade é testada e ele é diagnosticado com a mesma curiosa doença que mantém todos os convidados ali à espera da cura..


OCULTAR COMENTÁRIOS
comments powered by Disqus