CASA & ACABAMENTO

A cor preta chegou para ficar na cozinha

Que as peças na cor preta são consideradas curinga em qualquer guarda-roupa todos sabem, mas agora a cor não faz sucesso somente nas passarelas da moda e está mais presente nos eletros da cozinha. A Falmec (www.falmec.com.br) lançou quatro modelos de coifas que chamam atenção pelo uso da cor preta, seja no painel decorativo ou no acabamento. Batizadas de Prestige, Butterfly, Blade Black e Narcisse, os novos equipamentos conferem charme e elegância à cozinha ou à varanda gourmet. O modelo Butterfly tem painéis em vidro negro, que se abrem quando a coifa é acionada, fazendo-a ficar parecida com as asas de uma borboleta. Importada da Itália a Butterfly faz parte da Linha Da Vinci. Disponível nas versões ilha e parede: 90 cm de largura e comando digital com timer. Já a Prestige tem 65 cm de largura e disponível na versão parede. Em seu painel, tiras de vidro foram recortadas e cuidadosamente aplicadas, dando à coifa um visual exclusivo. A Prestige recebeu o prêmio Red Dot Design Award. O modelo Narcisse está disponível nas versões ilha e parede, com 65 cm de largura, 40 de profundidade e é fabricada no Brasil. Faz parte da Linha Milano. O nome Narcisse foi escolhido em homenagem ao herói grego Narciso que se apaixonou pela própria imagem e remetem aos painéis em vidro temperado com serigrafia negra da coifa, que refletem a imagem de quem está cozinhando.
A Blade Black traz acabamento em vidro negro. Chama atenção por suas linhas limpas, comando ótico digital soft-touch e exclusiva função de purificação 24 horas. Essa função mantém a coifa funcionando em sua velocidade mais baixa por um período de 1 hora, desligando-a durante as 3 horas seguintes. O ciclo se repete enquanto a função não for desativada. Modelo disponível na versão parede: 90 cm de largura e comando digital com timer.


OCULTAR COMENTÁRIOS

comments powered by Disqus