CANAL 1


Não é o trabalho da vida deles




Por Flávio Ricco
Colaboração José Carlos Nery


 
Em relação aos seus primeiros trabalhos na Globo, como "Verdades secretas" e "Êta mundo bom!", decididamente, "Pega pega" não trouxe o mesmo "brilho" para Camila Queiroz.
 
A repercussão está sendo quase nenhuma e a oportunidade de apresentar um trabalho melhor não existiu, pelas próprias características da personagem até, mas também por fatores outros que nem sempre acabam funcionando.
 
Toda e qualquer novela de sucesso tem que começar com bom texto e uma escalação de atores ajustada, calculada em seus mínimos detalhes.
 
No caso da Camila, o par com Mateus Solano nunca chegou a convencer. Do começo até agora, já em reta final, esteve longe de empolgar alguém. Mateus, inclusive, em algumas cenas ainda repete as mesmas caretas ou reações do Félix, de grande e inesquecível trabalho da vida dele em "Amor à vida".
 
Grande final
 
Neste fim de semana acontece a final da "Dança dos famosos", do "Domingão". Na disputa do título, as duplas Maria Joana e Reginaldo Sama (foto), Lucas Veloso e Nathalia Melo, e Nicolas Prattes e Mayara Araújo.
 
 
Empolgada
 
"Deus salve o rei", a próxima novela das sete, traz Bruna Marquezine (FOTO) vivendo a primeira vilã de sua carreira. "Fui abençoada com essa personagem e estou com muita "sede" de trabalhar", conta a atriz.
 
 
TV TUDO
 
 
De propósito
 
Usando um time B da Barra Funda, o "Programa do Porchat" fará uma sátira ao especial "Família Record". Na troca de presentes, Mionzinho, Fabiola Reipert, Paulo Vieira e Robson Bailarino, entre outros. Sonia Abrão, da Rede TV!, também participa.
 
Estranhamento
 
O novo modelo de gestão na produção do "Domingo espetacular", da Record, ainda não fez entornar o caldo, mas está bem próximo disso. Ao contrário dos demais componentes do programa, os repórteres estão sendo obrigados a sempre se colocarem à disposição, mesmos nos feriados e finais de semana. Sem nenhuma necessidade.
 
 
Último ao vivo
 
 
O "Pânico", neste domingo, será exibido pela última vez, ao vivo, na Band. Louve-se o trabalho da equipe, liderada por Emílio Surita, que mesmo diante da decisão de acabar com o programa, está indo até o fim com o mesmo empenho e dedicação. Isso se chama profissionalismo.
 
 
Florida Cup
 
 
Marcelo Madeira, respeitado profissional de TV, assim como fez nas transmissões da "Libertadores" e "Sul Americana", irá produzir os trabalhos do Florida Cup, entre 10 e 20 de janeiro, nas cidades de Miami, Orlando e St. Petersburg. Transmissão para o SporTV (fechada), Band (aberta) e mais 170 países.
 
 
Distância regulamentar
 
 
Paolla Oliveira deverá ficar boa parte de 2018 distante dos estúdios da Globo devido ao fato de ter emendado vários trabalhos na casa. Agora, por exemplo, após concluir "A força do querer", ela já está gravando como Carolina na minissérie "Assédio", produção exclusiva para um novo serviço de streaming do Grupo Globo.
 
 
Mesmo caso
 
 
Débora Falabella é outra que vai dar um bom descanso para a imagem em 2018. E pelas mesmas razões de Paolla: muitos trabalhos seguidos. Após deixar os estúdios de "A força do querer", ela iniciou imediatamente as gravações da série "Se eu fechar os olhos agora", de Ricardo Linhares, com estreia em janeiro de 2019.
 
 
 
Cinema
 
 
Estão chegando ao fim as filmagens da comédia romântica "De novo, não", do cineasta Pedro Amorim. Nela, Kéfera Buchmann faz Camila Mendes, uma popstar solitária, cansada da rotina de uma grande estrela, que consegue viajar no tempo e retornar ao passado para compreender melhor sua essência. Também no elenco estão João Côrtes, Giovanna Lancellotti e Felipe Titto. Côrtes, outro protagonista, faz o Cabeça, um repórter frustrado, que no passado foi o grande amigo de Camila. Estreia em julho de 2018.
 
 
 
Decisão na Globo
 
 
 
Aqui, nos estúdios do Brasil, Galvão Bueno vai transmitir Grêmio e Real Madrid, na tarde deste sábado, pela final do Mundial de Clubes. Comentários de Casagrande, Maurício Saraiva e Arnaldo Cezar Coelho. Reportagens de Marco Aurélio Souza, ele, sim, direto de Abu Dhabi, nos Emirados Árabes.
 
 
 
Tudo certo
 
 
 
Entre César Filho e Record já foi tudo acertado sobre o novo contrato. Falta só a assinatura. E também definir quem será o seu substituto no "Hoje em dia", durante as suas férias, nos primeiros 15 dias de janeiro.
 


TV continua reinando absoluta, mas não pode deixar de respeitar o novo




Nas mais diversas andanças motivadas pelo lançamento da "Biografia da televisão brasileira", está sendo possível notar como a TV se tornou importante na vida das pessoas, por mais diferentes que sejam.
O nível de informação sobre tudo o que acontece, percebe-se, é dos mais elevados, e como alguém ou algo que se quer muito bem, há também a preocupação do que será ou poderá acontecer com ela no futuro: se conservará seu status de indispensável na vida das pessoas ou acabará se curvando ao crescimento das novas mídias?
Respostas que, evidentemente, ninguém tem, mas que os indicativos em jogo nos empurram para algumas certezas. Pesquisas divulgadas recentemente demonstraram que a TV, em especial a TV aberta nos últimos tempos, nunca foi tão assistida como neste ano que termina.
E, por outra: ainda é, entre as várias disponíveis, a única opção gratuita na vida de qualquer um, como fatores que revelam a sua condição de imprescindibilidade em relação até mesmo aos próximos anos. Com um controle remoto nas mãos, o telespectador chega onde quiser.
O que a televisão não pode, em tempo nenhum, é não considerar ou deixar de se ajustar ao que está surgindo de novo.


Incerteza

Para esta sexta-feira chegaram a ser confirmadas as participações do presidente Michel Temer e do presidente da Câmara, Rodrigo Maia, nas gravações do "Programa Silvio Santos". Só que até então a alta hospitalar de Temer estava prevista para ontem. E acabou não acontecendo.

Supermercado

O "Fala Brasil", da Record, parece que foi escolhido para levar ao ar matérias concorrentes das muitas televendas espalhadas em outras emissoras. Só não apareceu até agora a Sylvia Design. No mais, já teve de tudo um pouco.

Muito estranho

Usar o jornalismo como peça comercial, agradar alguém ou pagar benefícios conquistados é uma prática condenável sob todos os pontos de vista. O "SBT Repórter" especial, por exemplo, levado ao ar na madrugada da última segunda-feira, deu toda pinta de "missa encomendada". Mau isso.

Outro lado

O SBT, chamado a se manifestar sobre o mesmo tema, que, aliás, gerou fortes protestos de vários telespectadores, informou que o conteúdo escolhido justificou a produção e exibição de um "SBT Repórter Especial". E que assim será todas as vezes que surgir um assunto de interesse.

Nova série

Produzida pela Mixer, a série documental "Viver para lutar", em parceria com o UFC, estreia no Sportv na próxima segunda-feira, às oito da noite. Rodrigo Minotauro viajou por cinco países e três continentes para desvendar os segredos de seis artes marciais. O conteúdo já havia sido mostrado no canal Combate.

Fim de papo

Nesta sexta, último programa da primeira temporada, o "Conversa com Bial" vai receber Fernanda Montenegro. Férias extensas. Pedro Bial voltará à grade da Globo somente em abril.

Festa da firma

A festa de final de ano do SBT, que alguns funcionários tentaram melar, será realizada hoje, das 13h às 17h, com apresentação de Lívia Andrade. Participações de McGui e várias duplas sertanejas. O dono estará gravando programa. Numa dessas...

Vai mudar

A partir de janeiro, o programa da Sabrina Sato surgirá em novo horário na Record, com início às 22h30. Segundo avaliações da emissora, a apresentadora terá melhores possibilidades de audiência por ali, fugindo da novela da Globo -- "O outro lado do paraíso".

Apenas três

Em 2018, a Record pretende manter apenas três programas com auditório: "Sabrina", "Domingo show" e "Hora do Faro". E o Gugu? Deve aderir mesmo ao formato, o que ele não quer, ou deixar a emissora.


Acerto da Cátia com a Band teve de tudo um pouco



Por: Flávio Ricco
Colaboração: José Carlos Nery


Cátia Fonseca, com passagem na Record e há muitos anos comandando as tardes da TV Gazeta -- São Paulo, é a mais nova contratação da Band. Mais um caso daqueles, do namoro que acabou em casamento. A aproximação das partes, ou os primeiros piscar de olhos, se deu no final de 2016, mas que só caminhou para termos mais definitivos agora em dezembro.
Há alguns anos, a Band estudava a possibilidade de ter um programa como o dela, capaz de falar diretamente com o telespectador, em tom de grande proximidade e, ao mesmo tempo, se aproveitar da oportunidade para acolher novos anunciantes.
O vídeo gravado, desmentindo acerto e levando muitos a acreditar numa versão que não existia, agora é passado.
De acordo com o combinado, Cátia fará um programa para São Paulo, seguido de outro nacional, depois do Neto e entregando para o Datena.
Entre mortos e feridos, como se percebe, salvaram-se todos.


A Deus pertence

Em termos definitivos, nenhuma decisão foi tomada, mas são bem amplas as possibilidade de Diego Guebel continuar no Brasil, mesmo após a sua desvinculação completa da Band. Uma outra emissora, talvez. Quem sabe?

Pensando na frente

Também como possibilidade futura, Diego Guebel tem realizado estudos com vistas à montagem de uma produtora de conteúdo aqui no Brasil, para servir o mercado local e emissoras de fora. O período de quarentena, após sua saída da Eyeworks está prestes a se esgotar.

Novos negócios

Apenas confirmando: ontem se deu o fechamento oficial da empresa Eyeworks no Brasil. No lugar dela, por iniciativa de Diego Barredo, vai surgir a Chango Produções, que será responsável pelo "Programa do Porchat" nos próximos dois anos. Além de outros conteúdos.

Tristeza

Num clima de muita tristeza, Marcos Mion gravou o último "Legendários", na terça-feira, com as participações de Fabíola Gadelha, Gominho, Flávia Viana e Sandy. Aliás, Sandy cantando sem acompanhamento nenhum. Parou a Record.

Pouco caso

É, no mínimo, estranho o comportamento da Record em relação àqueles com contrato a vencer neste final de ano. Muitos já conversaram, alguns acertaram, mas ninguém assinou nada até agora. Uma situação que já começa a ser entendida como falta de respeito.

Recueta

Na terça-feira aqui se comentou a decisão da Band em não lançar mais a novela turca "Amor proibido" na próxima semana, por entender que, como estratégia de programação, não seria o melhor momento. Por favor, apaga. Já voltaram atrás e a novela será exibida a partir do dia 18, às 20h20.

Contagem regressiva

A última edição do "Pânico na Band" vai ao ar dia 31. As muitas reuniões realizadas levaram as partes a se entenderem em relação ao pagamento de multa por quebra de contrato. Na próxima semana, e isso já é certo, Band e Jovem Pan soltarão um comunicado conjunto anunciando o fim da parceria.

Recorde de audiência

Como se observa, era mesmo só uma questão de tempo para Walcyr Carrasco jogar todas as suas fichas. Na terça-feira, "O outro lado do paraíso" atingiu 57% de participação na audiência e média de 42 pontos. Novo recorde para a novela em SP. Então é isso. Mas amanhã tem mais. Tchau!



'Apocalipse' pode ter vida curta na Record



Por: Flávio Ricco
Colaboração: José Carlos Nery


O começo de semana foi bastante agitado na produção de "Apocalipse", no Rio de Janeiro. Por lá e também em outros setores da novela corre solta a informação que a trama, escrita por Vivian de Oliveira, mas "controlada" pela Igreja Universal, por meio da filha de Edir Macedo, Cristiane, poderá ser encurtada.
Se tudo se confirmar, será uma bola nas costas do próprio patrimônio, considerando o enorme investimento no projeto, a partir de efeitos especiais, contratações para o elenco e por aí em diante.
Na terça-feira, por exemplo, "Apocalipse" registrou uma audiência considerada catastrófica pela equipe: 8 pontos de média na Grande São Paulo, atrás de SBT (11) e Globo (35).
Havia até a expectativa que pudesse superar os índices de "Os dez mandamentos". Só que não. Aliás, não é porque, como novidade, uma deu certo, que as outras darão, ainda mais com mão da igreja pesando tão forte como está acontecendo agora.


Tiro no escuro

A interferência na obra de Vivian de Oliveira passou a acontecer de maneira tão forte ou irresponsável, que "Apocalipse" veio a ser uma novela diferente daquela projetada em seu início. Onde já se viu uma coisa dessas?

Silêncio absoluto

A Record, oficialmente, não se pronuncia sobre o assunto redução de capítulos, até porque a produção está ainda muito no começo. Porém, como alerta um profissional da casa: "onde há fumaça...".

Sucesso da festa

O quadro "Melhores do ano", do "Faustão", é sempre uma atração especial em todo final de temporada. Os artistas da Globo, que concorrem nas mais diversas categorias, sempre enxergam nele o coroamento ou um dos principais reconhecimentos aos trabalhos que executaram no período. Daí o capricho da produção, que leva o seu apresentador, uma vez por ano, vestir terno e gravata.

Detalhe a mais

Neste próximo domingo, final da dança, irá ao ar a 1.500ª edição do "Faustão" na Globo. Uma história que vem desde 1989. Agora em 2018 começam os preparativos para comemorar os 30 anos de exibição.

Não foi diferente

A entrega do troféu "Domingão", neste último domingo, repetiu o sucesso de todos os anos. Louve-se o trabalho do diretor-geral, Henrique Matias e de Cris Gomes, diretor adjunto, pela primeira vez com virtual ao vivo na história do prêmio. E aos bastidores, durante 5 horas de transmissão, a cargo de Adriane Galisteu, Ana Flávia, José Armando Vannucci e Hugo Gloss.

Entra e sai

Mamma Bruschetta vai se afastar do "Fofocalizando", do SBT, nesta sexta-feira. Será o seu último programa antes da bariátrica. A partir da segunda que vem, Chris Flores irá ocupar o seu lugar.

E tem mais

Lívia Andrade está definida para entrar no mesmo programa. Só que em vez da segunda, na quarta que vem, para cobrir as férias do Leão Lobo.

Primeiro mundo

Segunda-feira, lançamento da "Biografia da televisão brasileira" no Paraná, foi oportunidade também de conhecer mais de perto o trabalho da Rede Massa, do Ratinho, através da sua geradora em Curitiba, dirigida pelo Mauro Lissoni. TV de primeiro mundo e já com tudo na linha para o desligamento do analógico no dia 31 de janeiro.

Sim ou não?

A informação que circula nas mais diferentes direções é que Sandra Annenberg apresentará o "Hoje" direto da Rússia no período da Copa. Consultada, a Globo ainda não diz que sim ou não.


Destacada em prêmio, 'liberdade' impulsionou sucesso de 'A força do querer'



Por: Flávio Ricco
Colaboração: José Carlos Nery


Como não poderia deixar de ser, a novela "A força do querer" foi o centro das atenções e discussões do prêmio Melhores do Ano realizado domingo pela equipe do programa comandado por Fausto Silva na Globo.
Nos bastidores muita gente não digeriu muito bem a vitória de Paolla Oliveira na categoria Atriz de Novela, por entender que a honraria deveria ter ficado com Juliana Paes. Zebra?! Em hipótese alguma.
Houve estranhamento ainda em relação ao fato de Débora Falabella ter levado para casa o prêmio de Atriz Coadjuvante, no duelo com Elizangela e Zezé Polessa.
Polêmicas à parte, também chamou a atenção uma constatação da maioria dos atores de "A força do querer" durante a festa, e isso precisa ser destacado.
É sobre a liberdade concedida por Glória Perez e o diretor Rogério Gomes para que eles pudessem criar e desenvolver seus personagens. Improvisar, até, se necessário. Isto foi destacado pelo elenco como um dos principais motivos do sucesso da novela. Mas esta tal "liberdade" não é uma característica geral em se tratando de novelas e, em muitos casos, pode se tornar um "campo minado". Há autores totalmente contrários à ideia de alguém "fugir do roteiro" ou de colocar "cacos" no texto. Dão chiliques, mandam recadinhos para a produção e até "explodem" personagens. No caso de "A força", no entanto, tudo deu muito certo.


Vem aí

Em relação ao serviço de streaming, prestes a ser lançado pelo Grupo Globo, o responsável por ele é o diretor João Mesquita, que foi "pescado" da Direção Geral do Telecine para tocar o trabalho. Que, aliás, trata-se de um projeto em sociedade da TV Globo com a Globosat.

Sinais

A produtora Floresta, comandada por Elisabetta Zenatti, está muito cotada para voltar à programação da Record em 2018. É o que se comenta nos corredores da emissora em São Paulo.

Mudou de novo

Então vamos lá: a final do "Exathlon Brasil" será exibida pela Band na próxima sexta-feira, e não mais na quinta. As gravações serão encerradas amanhã na República Dominicana e a equipe do programa começa a voltar ao Brasil no fim de semana.

E tem mais

A Bandeirantes não pretende mais estrear no dia 18 a novela turca "Amor proibido". O canal entendeu que como estratégia de programação seria uma tremenda bola fora colocar o produto no ar agora. Melhor deixar para janeiro.

TV paga

O canal Animal Planet, da Discovery, estreia em fevereiro a produção nacional "Aprendiz animal" protagonizada pelo atleta de esportes radicais Gui Pádua. Desta vez, ele não vai saltar de paraquedas ou base jump, mas sim lidar com todos os tipos animais. Ele viajará pelo Brasil para encontrar pessoas que trabalham e cuidam das mais diferentes espécies, participando do trato de cada um deles. A série é uma coprodução com a TX Filmes.

Rojões

A equipe da minissérie "Ilha de ferro" também comemorou a conquista de Jonathan Azevedo, domingo, prêmio Ator Revelação. Lá, ninguém o conhece como "Sabiá". É o Negueba.

Tudo certo

Chay Suede, protagonista em "Novo mundo", foi confirmado no elenco da novela que substituirá "O outro lado do paraíso", escrita por João Emanuel Carneiro. Mas já está na hora de encontrar outro título, porque ela ainda é anunciada como "De volta pra casa", marca que pertence à Record TV.

A propósito

Pelo menos para o elenco de "O outro lado do paraíso", não há mais dúvidas sobre o romance dos protagonistas Sérgio Guizé e Bianca Bin. Nos bastidores da novela, todos estão dando o maior apoio.

Tem data

"Orgulho e paixão", novela de Marcos Bernstein, escolhida para substituir "Tempo de amar" na Globo, vai estrear em 27 de março. Alessandra Negrini, Nathalia Dill e Thiago Lacerda vivem os protagonistas.